Rio

Comissão da Alerj vai debater regularização fundiária dos assentamentos do estado

.

Foto: divulgação
Credit...Foto: divulgação

A Comissão Especial de Enfrentamento à Miséria e à Extrema Pobreza da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro realiza audiência pública, nessa segunda-feira (8), para discutir a regularização fundiária dos assentamentos como forma de enfrentar a miséria e a escassez de alimentos no estado do Rio. A reunião será semipresencial, às 10h, no auditório do 21º andar do Edifício Lúcio Costa, sede da Alerj, na Rua da Ajuda, 05, Centro do Rio.

"Com a regularização fundiária, cria-se melhores condições para o desenvolvimento da produção agrícola nos assentamentos, que assim podem não só se tornar autossuficientes como podem alimentar outras comunidades", disse a deputada Renata Souza (PSol), presidente do colegiado.

Além dos membros da comissão, foram convidados a participar da audiência a deputada federal Talíria Petrone (PSol/RJ) e representantes do Ministério Público Federal; do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra); do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST); e dos assentamentos dos municípios de Campos dos Goytacazes, Macaé, Volta Redonda e Quatis.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais