Programação de Teatro - 12 a 18 de agosto

As estreias, os musicais, os espetáculos gratuitos, os festivais  e peças em cartaz nos teatros cariocas

TEATRO/ESTREIA

FATOR RH - Texto e interpretação de Karen Liberman. Direção de Maria Clara Gui. Participação especial de Rodrigo Machado. A comédia traz um jovem e ambiciosa executiva que tem como certa a sua merecida promoção na empresa, mas é surpreendida por uma inesperada demissão que a leva a refletir sobre sua exagerada dedicação ao trabalho. Casa de Cultura Laura Alvim – Espaço Rogério Cardoso, Av. Vieira Souto, 176, Ipanema (2247-6946). Cap.: 60 pessoas. 6ª e sáb., às 21h; dom., às 20h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h. Até 2 de outubro. Estreia na sexta (12/08). 

A MORTE DO PATO - UMA FÁBULA URBANA - Texto e direção de Renato Carrera. Com Lucas Gouvea, Cris Larin, Cecília Hoeltz e Enrico Pedroso. Durante um tiroteio, a rotina do solitário Rerói, da travesti Marta e da mocinha Sibila se transforma, num clima de suspense e terror. Teatro Gláucio Gill, Praça Cardeal Arcoverde, s/nº, Copacabana (2332-7904). Cap.: 104 pessoas. Sáb. a 2ª, às 21h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 16 anos. Duração: 1h20. Até 5 de setembro. Estreia no sábado (13/08).  

NA SELVA DAS CIDADES - Texto de Bertolt Brecht. Tradução: Aderbal Freire-Filho, Nehle Franke, Patrick Pessoa e Roberto Franke. Direçaõ de Aderbal Freire-Filho. Diretor-asssitente: Fernando Philbert. Com Daniel Dantas, Maria Luiza Mendonça, Fernanda Boechat, Ines Viana, Joelson Medeiros, Leonardo Netto, Marcelo Olinto, Milton Filho e Patrick Pessoa. A trama se passa em Chicago no ano de 1912 e conta a saga da família Garga, que deixa o campo em busca de melhores condições de vida na cidade. Na grande metrópole, o convívio urbano se mostra desumano, brutal e sarcástico. Centro Cultural Banco do Brasil / Teatro 1, Rua Primeiro de Março, 66, Centro (3808-2020). Cap.: 170 pessoas. 4ª a dom., às 19h. R$ 10. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 16 anos. Duração: 2h20. Até 9 de outubro. Estreou na quarta (10/08).

PAISAGEM NUA - Argumento original de Joelson Gusson. Direção de Thereza Rocha e Joelson Gusson. Dramaturgia de Thereza Rocha. Com  Bel Garcia e Joelson Gusson. Num palco em forma de passarela, um homem e uma mulher, elegantemente vestidos, relatam ao público episódios de morte e falam de suas reações e impressões, usando de humor e mordacidade para ressaltar os aspectos mais absurdos e inusitados das situações. O espetáculo foi concebido a partir da sugestiva série de retratos Landscapes with a corpse, em que o fotógrafo japonês Izima Kaoru clicou top models japonesas trajando peças de alta costura em diferentes situações que retratam a morte. Espaço Sesc / Mezanino,  Rua Domingos Ferreira, 160, Copacabana (2547-0156). Cap.: 90 pessoas. 5ª e sáb., às 21h30;  dom., às 20h. R$ R$16. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. Comerciários associados: R$ 5.  12 anos. Duração: 55 minutos.  Até 4 de setembro. Estreou na quinta (11/08).  

TIO VÂNIA (AOS QUE VIERAM DEPOIS DE NÓS) - Espetáculo do Grupo Galpão. Texto de  Anton Tchékhov. Direção de Yara de Novaes.  Com Antonio Edson, Arildo de Barros, Eduardo Moreira, Fernanda Vianna, Paulo André, Teuda Bara. Atriz convidada: Mariana Lima Muniz. Ambientada em uma decadente propriedade rural russa, no final do século 19, a peça esmiúça a alma de personagens desiludidos e com seus sonhos aniquilados, mas inclui também uma mensagem de esperança e de coragem de se projetar o futuro. Teatro Sesc Ginástico, Av. Graça Aranha, 187, Centro (2279-4027). Cap.: 513 pessoas. 5ª a  dom., às 19h. R$ 20 (5ª, 6ª e dom.) e R$ 30 (sáb.). Menores de 21 anos, estudantes e idosos pagam meia. Comerciários associados: R$ 5 (5ª, 6ª e dom.) e R$ 7,50 (sáb.). 12 anos.  Duração: 1h30. Até 28 de agosto. Estreia na sexta (12/08)

A VARANDA DE GOLDA - Texto de William Gibson. Direção de Ary Coslov e Marcelo Aquino. Com Rosane Gofman. O monólogo traça um retrato da primeira-ministra Golda Meir, uma das líderes mais importantes da história de Israel e sua importante partcipação nos eventos críticos desde a fundação de Israel até a Guerra de Yom Kippur, além de reviver suas história pessoal, sua paixão pelo Sionism e pelo marido, Morris Myerson. Solar de Botafogo, Rua General Polidoro, 180, Botafogo (2543-5411). Cap.: 180 pessoas.  5ª a sáb., às 21h; dom., às 19h30. R$ 50 (5ª e dom.) e R$ 60 (6ª e sáb.). Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração 1h20. Até 25 de setembro. Estreou na quinta (11/08). 

VOCÊ PRECISA SABER DE MIM - Direção de Jefferson Miranda. Assistência de direção: Thiare Maia. Dramaturgia: Pedro Bricio, Jô Bilac, Rodrigo Nogueira, Vitor Paiva, Henrique Tavares e Emanuel Aragão.  Após encontrar cartas deixadas por sua bisavó, um homem começa a reconstruir a história de sua família. Os atores Alexandre Nero, Luiza Mariani e Gisele Fróes se revezam, no tempo e no espaço, e apresentam como a memória é tecida através das gerações, a partir de diversas histórias dessa família. Galpão do Espaço Tom Jobim, Rua Jardim Botânico, 1008, Jardim Botânico (2274-7012). Cap.: 60 pessoas. Sáb. e dom., às 18h; 2ª, às 20h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h50. Até 2 de outubro. Estreia no domingo (14/08).

TEATRO/REESTREIAS

OS CAPANGAS – Texto de Rodrigo Candelot, Saulo Rodrigues e Paula Rocha. Supervisão Dramatúrgica de Ivan Fernandes. Direção de Rubens Camelo. Com  Charles Paraventi, Igor Paiva, Mário Hermeto, Aldo Perrota, Rodrigo Candelot e Saulo Rodrigues.  Três atores desempregados dividem um conjugado em Copacabana e  fazem de tudo para ganhar um trocado, de estátua viva a dublê em filmes B, até que recebem uma notícia que muda radicalmente suas vidas. Teatro Candido Mendes, Rua Joana Angelica, 63, Ipanema (2267-7295). Cap.: 133 pessoas. 6ª e sáb., às 23h.  R$ 40. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h20. Até 8 de outubro. Reestreia na sexta (12/08)

ESCOLA DE MULHERES – Texto de Molière. Direção de Roberto Lage. Com Oscar Magrini, Monique Alfradique e elenco. Arnolfo é um quarentão que sempre se envolveu com mulheres comprometidas por um incorrigível medo de ser traído. Para se casar com a mulher ideal, ele adota Inês, a quem resguarda de todas as malícias da sociedade. Só que a jovem se apaixona por Horácio e acaba com o plano infalível de Arnolfo. Teatro dos Grandes Atores / Sala Vermelha, Shopping Barra Square, Av. das Américas, 3.555, Barra da Tijuca (3325-1645). Cap.: 396 pessoas. 6ª e sáb., às 21h; dom., às 20h. R$ 70 (6ª e dom.) e R$ 80 (sáb.). Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h20. Até 25 de setembro.

A LUA VEM DA ÁSIA – Texto de Campos de Carvalho. Atuação e adaptação do texto: Chico Diaz. Direção de Moacir Chaves. Supervisão dramatúrgica: Aderbal Freire-Filho.  O monólogo traz  a trajetória de um homem  incomum, que vaga por geografias possíveis e impossíveis, em busca da compreensão da  vida (e da morte), desafiando com muita ironia e  lógica as falhas da sociedade de massa, consumista e belicosa. Teatro Sesi, Av. Graça Aranha, 1, Centro (2563-4163). Cap.: 350 pessoas.  6ª a dom., às 19h.  R$ 40. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14  anos. Duração: 1h20. Até 25 de setembro. Reestreia na sexta (12/08).  

TEATRO / MUSICAL

BIBI IN CONCERT - Criação e roteiro de Bibi Ferreira, Flávio Mendes e Nilson Raman. Regência, guitarra e violão: Flávio Mendes. Músicos: Itamar Assiere (piano), José Luís Maia (baixo), Jamir Torres (bateria), Alexandre Caldi (sax e flautas), Aquiles Moraes (trompete), Everson Moraes (trombone). No espetáculo, Bibi Ferreira revisita vários momentos dos seus 70 anos de carreira como atriz, cantora e diretora teatral ao contar histórias inéditas de sua vida e trajetória profissional, que costura com canções nacionais e internacionais que a acompanham há décadas. Teatro Dulcina, Rua Alcindo Guanabara, 17, Centro, próximo à Cinelândia (2240-4879). Cap.: 429 pessoas. 6ª a dom., às 19h. R$ 10. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h15. Até 14 de agosto.   

TEATRO/ GRÁTIS

DADOS VARIÁVEIS - Com dramaturgia criada pelo ator e diretor André Garcia Alvez, que parte da arte da oralidade, improviso e comicidade dos camelôs e artistas populares. A apresentação funciona como um jogo de dados: o espectador lança o dado para sortear um número. No cardápio, existem duas opções de cena para cada face do dado, totalizando doze cenas. O espectador, que neste momento já se tornou um jogador, terá de escolher uma entre as duas opções e também poderá participar atuando das situações. Central do Brasil, sáb. (06/08), às 10h. Grátis.  Centro Cultural Municipal Parque das Ruínas, Rua Murtinho Nobre, 169, Santa Teresa (2224-3933). Dom. (14/08), às 16h. Grátis. Livre.  Em caso de chuva o espetáculo será cancelado.

LEITURAS DRAMATIZADAS FINALISTAS SELEÇÃO BRASIL EM CENA 2011 – O projeto de fomento à dramaturgia nacional, Seleção Brasil em Cena, apresenta leituras dramatizadas dos 12 textos finalistas do concurso de 2011. As leituras gratuitas são dirigidas por diretores consagrados e atores formandos de escolas de teatros e projetos sociais. Sáb., às 18h:  Lar longe lar, de Miriam Halfim (RJ). Direção Gilberto Gawronski. Sáb., às 20h:  Não me diga adeus,  de Juliano Marciano (São Caetano do Sul, SP). Direção Gilberto Gawronski. Dom., às 18h: A vaca pródiga, de José Carlos Barbosa de Aragão (MG).  Direção de Alessandra  Vannucci. Dom., às 20h: Um é multidão, de Carlos Correias Santos (Belém do Pará, PA). Direção Gilberto Gawronski. Centro Cultural Banco do Brasil / Teatro 3, Rua Primeiro de Março, 66, Centro (3808-2020). Cap.:  80 pessoas. Sáb. e dom., às 18h e 20h. Grátis, com retiradas de senhas uma hora antes de cada leitura.  Até 28 de agosto. 

A NOIVA DE GONZAGÃO – Realização do Coletivo Teatral Sala Preta (Barra Mansa/RJ. Espetáculo faz uma homenagem ao compositor Luiz Gonzaga, através da história de uma noiva nada convencional, uma mulher fogosa, que no dia do seu casamento combina de fugir com o amante, mas na festa recebe a ilustre visita de um músico que diz ser o próprio Gonzagão. Entrada da UERJ (portão 1) ao lado da Galeria Candido Portinari, Rua São Francisco Xavier, 524, Maracanã. 6ª, às 19h30. Grátis. Livre. Duração 20 minutos.   

TEATRO DOS OUVIDOS -  Texto de Valère Novarina. Tradução e atuação de Angela Leite Lopes. Direção de Antonio Guedes. Cenografia/instalação: Bel Barcellos. Vídeo: Miguel Pachá.  A performance de Angela Leite Lopes e a instalação da artista plástica se complementam na mesmo espaço conduzido pelo texto do autor francês Valére Novarina. Espaço Cultural Municipal Sergio Porto, Rua Humaitá 163, Humaitá (2535-3846). Cap.: 30 pessoas. 6ª e sáb., às  19h; dom, às 18h. Grátis.  14 anos. Duração: 35 minutos. Até 4 de setembro. Estreia na sexta (12/08). 

ÚNICAS APRESENTAÇÕES

BODAS DE SANGUE - Espetáculo da Caratapa Cia. de Teatro. Texto de Federico García Lorca. Direção de Thiago Valente. Na Andaluzia, Espanha, uma noiva apaixonada por outro homem  foge no dia do seu casamento, provocando uma tragédia em duas famílias: a do noivo e a do amante. Espaço Cultural Solar de Botafogo, Rua General Polidoro, 180, Botafogo (2543-5411).  2ª, às 21h30; 3ª, às 18h30. R$ 20. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h45 . Até 16 de agosto. 

CONFISSÕES DE ADOLESCENTES – Texto de Maria Mariana. Adaptação de Clarice Falcão e Matheus Souza. Direção de Matheus Souza. Com Ana terra, Isabella Camero, Marcella Rica e Marianna Pastori. O espetáculo, sucesso na década de 1990, está de volta com nova adaptação, abordando as dúvidas e angústias de uma geração dominada pelo advento da internet. Teatro Quality, Shopping Quality,  Av. Geremário Dantas, 1.400, Freguesia, Jacarepaguá (3547-7518). Cap.: 150 pessoas. Sáb., às 21h; e dom., às 20h.  R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h15 .

O INSPETOR GERAL -  Espetáculo da Caratapa Cia. de Teatro. Texto de Nikolai Gogol. Direção de Thiago Valente. Em uma cidade administrada por políticos incompetentes e corruptos,corre a notícia de que um inspetor está para chegar, a fim de instaurar uma sindicância. Surge um forasteiro que, confundido com o esperado visitante, passa a se aproveitar da situação. Espaço Cultural Solar de Botafogo, Rua General Polidoro, 180, Botafogo (2543-5411).  2ª, às 18h30; 3ª, às 21h30. R$ 20. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. Livre. Duração: 1h45. Até 16 de agosto. 

OLHAR DO OUTRO LADO -  Com a Cia. Arte e Corpo. Texto de Eliana Lugatti e Cida Palmeirim. Direçã de Reynaldo Dutra. Com Reynaldo Dutra, Armando Zurli, Rachel Palmeirim, Cida  Palmeirim. A história de dois homens, um jovem e um idoso, buscando seu espaço na sociedade. Na procura por aceitação esbarram com seus próprios medos, dúvidas e preconceitos. Teatro Municipal de Niterói, Rua 15 de Novembro, 35, Centro (2620-1624). Cap.: 400 pessoas. 5ª (18/08) a sáb.(20/08), às 21h; dom. (21/08), às 20h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. Livre. Duração: 1h10. Até 21 de agosto.

TEATRO / EXTRAS 

COMPLEXO DUPLO – O projeto idealizado pelo diretor e ator Felipe Vidal e pela tradutora e crítica teatral Daniele Avila ocupa o teatro com  espetáculos teatrais e atividades formativas e de reflexão sobre a prática artística e seus modos de produção. ProgramaçãoSolos acompanhados, com a Cia. Teatro Íntimo. Com o objetivo de aproximar o espectador do processo de criação de um espetáculo teatral, a companhia apresenta  oito solos inspirados em diversos autores como Caio Fernando Abreu, João Cabral de Melo Neto, Oscar Wilde e o autor da companhia, Tarcísio Lara Puiati. (sáb. e dom., às 19h. Duração: 50 min.  R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada). 16 anos. Até 14/08.).   Ninguém falou que seria fácil. Com o Grupo Foguetes Maravilhas (ver mais informações no roteiro). Teatro Gláucio Gill, Praça Cardeal Arcoverde, s/nº, Copacabana (2332-7904). Cap.: 104 pessoas. Dias, horários, censura  e preços: ver acima. 

CLUBE DA CENA  UNPLUGGED –  O projeto idealizado pela autora e atriz Cristina Fagundes envolve autores,  diretores e atores de diversos grupos e trabalhos ligados à comédia, como o Teatro do Nada, Surto, Poutpourrir, Zorra Total, Inanimados, Tablado, entre outros. Nesta edição, a cada semana serão criadas cenas a partir de músicas de grandes  compositores da música brasileira. Nesta sexta (29/07), as cenas serão criadas a partir de composições de CazuzaTeatro Municipal Maria Clara Machado,  Planetário da Gávea, Av. Padre Leonel Franca,  240, Gávea ( 2274-7722). Cap.: 140 pessoas. 6ª, às 21h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h10. Até 2 de setembro. 

TE CONTO EM CENA - Com Raquel Penner, Pedro Maia, Luiz Filipe Carvalho e  Sandro Maciel (stand-in). O projeto do  Núcleo de Ensino e Pesquisa de Artes Cênicas (NEPAC)  traz a adaptação de sete contos de Machado de Assis. Os contos são apresentados em quatro espetáculos diferentes, mas com os mesmos recursos e linguagens cênicas. O palco foi adaptado para semi-arena, com cadeiras colocadas nas laterais, para integrar o público com a encenação. Programação:  6ª (12/08), às 19h: O cônego/ O espelho; às 20h30: Ernesto de tal. Sáb (13/08), às 19h: A cartomante/ Missa do Galo; às 20h30: Ernesto de tal. Dom. (14/08), às 19h: A cartomante/ Missa do Galo; às 20h30: A causa Secreta/ O enfermeiro. Teatro Municipal de Niterói, Rua 15 de Novembro, 35, Centro (2620-1624). Cap.: 400 pessoas. 5ª (11/08) a dom. (14/08), às 19h e 20h30. Ingresso especial no palco: preço único de R$20. Combo 1 (sessões seguidas): R$ 60 e R$ 30 (meia). Combo 2: compra antecipada das quatro apresentações: R$ 80 (preço único). 12 anos. Duração: 50 minutod. Únicas apresentações.

TEATRO/EM CARTAZ

3 MULHERES, 1 DESTINO - Texto e direção de Fabrisio Coelho. Com Flavia Sequeira, Rita Luz e Claudia Cabral. As lembranças e novos valores de três amigas que viveram intensamente as transformações políticas e sociais dos anos 80. Teatro Princesa Isabel, Av. Princesa Isabel, 186, Copacabana (2275-3346). Cap.: 320 pessoas. 6ª, às 20h. R$ 40. Estudantes, professores e maiores de 60 anos pagam meia.  12 anos. Duração: 1h20.  Até 30 de setembro. 

ADULTÉRIO – Criação coletiva da  Cia Atores de Laura. Direção e dramaturgia de  Daniel Herz. Com Ana Paula Secco, Anderson Mello, Leandro Castilho (5ª), Luiz André Alvim (6ª a dom.), Marcio Fonseca, Paulo Hamilton e Verônica Reis. Inspirado no universo do autor teatral Luigi Pirandello, além de levantar a questão da infidelidade conjugal, com todas as suas nuances e  consequências, o espetáculo convida à reflexão típica de Pirandello: o que, afinal, é a realidade e o que é a representação? Teatro Leblon / Sala Fernanda Montenegro, Rua Conde Bernadote, 26, Leblon (2529-7700). Cap.: 417 pessoas. 5ª a sáb.,  às 21h;  dom., às 20h. R$ 50 (5ª e 6ª) e R$ 60 (sáb. e dom.). Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h20. Até 28 de agosto. Cotações: Claudia Chaves: *** (Ótimo). Teresa Mascarenhas: *** (Ótimo).

AMORZINHO, UM CONTO DE TCHEKHOV - Texto de Anton Tchekhov. Texto final de Bruno Lara Resende. Direção de Orã Figueiredo. Com Lourival Prudêncio, Raquel Iantas e Saulo Rodrigues. A peça conta de forma lírica e bem humorada a história de Olenka, uma mulher que só vê sentido na vida quando está amando alguém. Teatro Glauce Rocha, Av. Rio Branco 179, Centro (2220-0259). Cap.: 278 pessoas. 5ª a domingo, às 19h. R$ 20. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 10 anos. Duração: 1h10.Até 28 de agosto. 

BENT – Texto de Martin Sherman. Tradução de Luiz Fernando Tofanelli. Direção de Luiz Furlanetto. Com Augusto Zacchi, Gustavo Rodrigues, Augusto Garcia e elenco. Na Alemanha nazista, os homossexuais Max e Rudy são presos e enviados a um campo de concentração. Rudy é morto durante a transferência e Max acaba se ligando a outro prisioneiro, Horst, também homossexual e judeu. A peça retrata uma época de intolerância e crueldade. Teatro das Artes, Shopping da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 52, 2º piso, Gávea (2540-6004). Cap.: 457 pessoas. 2ª e 3ª, às 21h.  R$ 40.  Estudantes e idosos pagam meia. 16 anos. Duração: 1h30.  Até 30 de agosto. Cotação: Teresa Mascarenhas: *** (Ótimo).

A CASA CAIU - Texto de  Beto Moreno. Direção de Oscar Francisco. Com Aline Mendonça, André Rayol, Beto Moreno, Erika Thomas, Rafael Guimalle e Will Gama. Idoso apostador do jogo do bicho ganha uma bolada e se muda para Zona Sul. Contra sua vontade, filho, nora e netos se abancam em sua casa nova. Apesar dos atritos e diferenças, a atrapalhada família permanece unida e com o humor em alta. Centro Cultural Anglo Americano, Av. das Américas, 2.603, anexo ao Colégio Anglo Americano, Barra da Tijuca (2439-8002). Cap.: 260 pessoas. 6ª e sáb., às 21h; dom., às 20h. R$ 50. Estudantes e maiores de 60 anos  pagam meia. R$ 20: com doação de um quilo de alimento não perecível. 14 anos. Duração: 1h20. Até 28 de agosto. 

CASAR PRA QUÊ? – Texto de Alessandro Anes. Direção de Anja Bittencourt. Com Alessandro Anes e Ana Teresa Welerson.  Comédia romântica sobre um casal: ele adora cerveja e futebol e ela,  shopping e novela. Apesar das diferenças, os dois não se largam e não vivem um sem o outro. Teatro Fashion Mall, Shopping Fashion Mall, Estrada da Gávea, 899, 2º piso, São Conrado (3322-2495). Cap.: 300 pessoas.  6ª e sáb., às 21h30; dom., às 20h. R$ 50 (6ª) e R$ 60 (sáb. e dom.). Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos.  Duração: 1h10. Até 28 de agosto. 

CATADORES DE SONHOS – UTOPIA COM ATORES E ALPINISTAS – Direção e dramaturgia de Jadranka Andjelic. Com Andréa Maciel, Patrick Sampaio e Ander Simões. Alpinistas: Felipe Edney e Eduardo Rodrigues. Música, violão e direção musical: Thiago Trajano. Músicos: Thiago Trajano, Levi Chaves e Luciano Corrêa. Espetáculo de teatro contemporâneo que discute o espaço da utopia nas relações humanas atuais. A busca pelo sonho é o fio condutor do espetáculo que transita na fronteira de linguagens como o  teatro, dança, música, vídeo e alpinismo. Teatro Municipal do Jockey, Rua Bartolomeu Mitre, 1.110, Gávea  (3114-1286). Estacionamento gratuito, entrada pela rua Mário Ribeiro, 410.  Cap.: 100 pessoas. 6ª, sáb. e  dom., às 21h..  R$ 20. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. Livre.. Duração: 1h10.  Até 28 de agosto. Neste domingo ingressos a R$ 1.

C.L.A.M. – CURSO LIVRE PARA APRENDIZ DE MARGINAL – Espetáculo do Grupo Saideira de Teatro.  Texto de  Eudes Veloso e Thiago Braga. Com Bianca Arman, Eudes Veloso e elenco. O espetáculo usa comédia e ironia para fazer uma crítica à banalização da violência na sociedade moderna. Teatro Miguel Falabella, NorteShopping, Av. Dom Hélder Camara, 5.474,  Cachambi  (2595-8245). Cap.: 476 pessoas. 5ª a dom., às 18h.  R$ 40. Estudantes e maiores de 60 anos  pagam meia. 14 anos. Duração: 1h10. Até 2 de outubro.

COMÉDIA DE SALTO + ESTAÇÃO STAND-UP  –  Os dois grupos cariocas de stand-up comedy apresentam-se juntos  articulando visões cômicas masculinas e femininas sobre o cotidiano. Teatro Maria Clara Machado, Planetário da Gávea,  Rua Padre Leonel Franca, 240, Gávea ( 2274-7722). cap.: 124 pessoa. 5ª, às  21h. R$ 20. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h20.  Até 25 de agosto. 

COMÍCIO GARGALHADA – Texto e interpretação de Rodrigo Sant'Anna. Direção de Thalita Carauta. No formato de um comício eleitoral, o comediante Rodrigo Sant'Anna, intérprete do personagem Edmilson, do programa Zorra Total, na Rede Globo, faz show com sua galeria de personagens. Teatro dos Grandes Atores, Shopping Barra Square, Av. das Américas, 3.555, Barra da Tijuca (3325-1645). Cap.: 396 pessoas. 6ª e sáb., às 23h. R$ 70.  Estudantes e idosos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h. Até 28 de agosto. 

CONTOS DE SEDUÇÃO -  Espetáculo do Grupo TAPA (SP), com texto de Jonathan Amacker, baseado na obra do escritor e poeta francês Guy de Maupassant (1850-1893). Direção de Eduardo Tolentino de Araujo. Com Zécarlos Machado, Brian Penido Ross, Fernanda Viacava, Isabella Lemos, Natalia Moço e Daniel Volpi. A peça reúne seis contos do autor francês que fala de sedução. Ao abordar as ambigüidades, traições, a perversão e o tédio dos aristocratas por um lado e o pragmatismo dos menos favorecidos por outro, a peça constrói um painel saboroso e bem humorado de aspectos da condição humana que pouco mudaram até os dias de hoje. Caixa Cultural / Teatro de Arena,  Avenida Almirante Barroso, 25, Centro (2544-4080). Cap.: 226 pessoas. 5ª a dom., às 19h30. R$ 20. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h30. Até 28 de agosto. CotaçõesTeresa Mascarenhas: *** (Ótimo). 

DEPOIS DO FILME –  Direção, texto e interpretação de Aderbal Freire–Filho. Diretor assistente: Fernando Philbert. Música: Tato Taborda.  O diretor Aderbal Freire–Filho volta ao palco para interpretar todos os personagens que gravitam em torno de Ulisses, personagem de um filme, que  depois que deixa de ser personagem e volta vida real, não consegue mais distinguir  realidade e ilusão. Teatro Poeirinha,  Rua São João Batista, 104, Botafogo (2537-8053). 6ª e sáb., às 21h; dom., às 19h. R$ 30. Estudantes e idosos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h10. Até 28 de agosto. Cotação: Teresa Mascarenhas: * (Regular).

DOIDAS E SANTAS – Texto de Regiana Antonini, livremente inspirado em crônicas da romancista Martha Medeiros. Direção de Ernesto Piccolo. Com Cissa Guimarães, Giusepe Oristanio e Josie Antello. Psicanalista rompe casamento de 20 anos e o encantamento com a nova fase de vida só é quebrado pelas constantes interferências da mãe, da filha, da irmã e do inconformado ex-marido. Teatro Vannucci, Shopping da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 52, 3º piso, Gávea (2239-8545). Cap.: 425 pessoas. 5ª a sáb., às 21h30; dom., às 20h. R$ 60 (5ª e 6ª), R$ 70 (dom.) e R$ 80 (sáb). Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h35. Até 18 de dezembro.  Vendas online: ingresso.com. Cotação: Claudia Chaves: ** (Bom). 

EMILINHA E MARLENE - AS RAINHAS DO RÁDIO -  Texto de Thereza Falcão e Julio Fischer. Direção de Antonio de Bonis. Direção Musical: Marcelo Alonso Neves. Piano e regência: Cristina Bhering. Com Solange Badin, Vanessa Gerbelli, Stella Maria Rodrigues, Cristiano Gualda e elenco. O  musical com mais de 50 canções executadas ao vivo conta a trajetória das cantoras Emilinha Borba e Marlene e a rivalidade histórica entre as duas artistas e seus fãs-clubes, tendo como pano de fundo seis décadas da história do Brasil e a época de ouro do rádio brasileiro. Teatro Maison de France, Av. Presidente Antonio Carlos, 58, Centro (2544-2533). Cap.: 353 pessoas.  5ª e 6ª, às 19h30; sáb., às 20h30; dom., às 18h30.  R$ 60 (5ª e 6ª) e  R$ 70 (sáb. e dom.).  Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. Livte.  Duração: 2h30 (com intervalo).  Até 11 de dezembro. CotaçõesClaudia Chaves: * (Regular). Daniel Schenker: * (Regular). Teresa Mascarenhas: ** (Bom). 

EU E OS MENINOS  – Texto de André Pellegrino, João Sant’Anna e Daniel Zubrinsky. Direção de Bernardo Jablonski e Cico caseira.  Supervisão  de texto de João Brandão. Com  Adriano martins, Alexandre Duvivier, André Pellegrino e elenco. Fazendo uso de um humor ácido, inspirado no grupo britânico Monty Python, a vida de Jesus é contada de forma criativa desde sua infância até a vida adulta. Teatro dos Grandes Atores, Shopping Barra Square, Avenida das Américas, 3555,  Barra da Tijuca (3325-1645). Cap.: 456 pessoas. 6ª e sábado, às  19h. R$ 40.  Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h. Até 25 de setembro. 

EU TE AMO - De Arnaldo Jabor. Direção Rosane Svartman e Lírio Ferreira. Com Alexandre Borges e Juliana Martins. Paulo, um cineasta falido que afoga suas dores na bebida, conhece uma mulher pela internet. Ela finge ser Mônica, uma garota de programa, mas na verdade é Maria que sofre por um relacionamento mal resolvido.  Teatro Leblon – Sala Marília Pêra, Rua Conde  Bernadote, 26, Leblon (2529-7700). Cap.: 462 pessoas. 5ª a sáb., às  21h; dom., às 20h. R$ 60 (5ª e 6ª) e R$ 70 (sáb. e dom.)  Estudantes e maiores de 60 anos  pagam meia. 14 anos. Duração: 1h15. Até 2 de outubro. CotaçõesTeresa Mascarenhas: ** (Bom). 

OS EXCULAXADOS – Texto de Beto Moreno. Direção de Chico Anysio. Com Alexandre Maguolo, Beto Moreno, Rafael Guimalle, Maykon Robert e Will Gama. A comédia brinca com fatos do cotidiano e as neuroses urbanas elevadas a um grau máximo de humor. Teatro Vannucci, Shopping da Gávea, Rua Marquês de São Vicente 52, 3º piso, Gávea (2274-7246). Cap.: 400 pessoas. 6ª e sáb., às 23h15. R$ 60. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. R$ 25: doadores de um quilo de alimento não perecível. 14 anos. Duração: 1h. Até 27 de agosto.

O FILHO ETERNO – Espetáculo da Cia. Atores de Laura. Texto de Cristovão Tezza. Adaptação de  Bruno Lara Resende. Direção de Daniel Herz. Com  Charles Fricks. O monólogo traz as dificuldades diárias e não esconde as decepções de um pai que precisa lidar com um filho que nasce com a Síndrome de Down. Oi Futuro Flamengo, Rua Dois de Dezembro, 63, Flamengo (3131-3060). Cap.: 84 pessoas. 6ª a dom., às 19h30.  R$ 15. Estudantes e maiores de 60 anos. 12 anos. Duração: 1h15.  Até 11 de setembro. Cotações: Claudia Chaves: *** (Ótimo).  Teresa Mascarenhas: * (Regular).

GAROTOS – Texto de Leandro Goulart. Direção de Afra Gomes e Leandro Goulart. Com : Ícaro Silva, Ivan Mendes, Gabriel Chadan, José Loreto e Caio Bucker. Cinco jovens retratam as aventuras e desventuras de um homem desde seus dez anos de idade abrangendo aspectos como virgindade,  drogas, sexualidade, perdas, paixões e família. Teatro das Artes, Shopping da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 52, 2º piso, Gávea (2540-6004). Cap.: 457 pessoas. Sáb.,  às 19h; dom., às 18h30.  R$ 50.  Estudantes e maiores de 60 anos. pagam meia. 14 anos. Duração: 1h. Até 25 de setembro.

O GATO BRANCO – Texto de Jô Bilac. Direção de João FonsecaCom Paloma Duarte, Bruno Ferrari, Fernanda Nobre, Camilo Bevilacqua, Pablo Falcão, Leandro Almeida e Lucianna Magalhães. Inspirado no universo de Agatha Christie e Alfred Hitchcok, o espetáculo revela as falhas de um crime perfeito envolvendo sete pessoas convidadas para um assassinato.Teatro das Artes, Shopping da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 52, 2º piso, Gávea (2540-6004). Cap.: 457 pessoas. 4ª e 5ª, às 21h.  R$ 50.  Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h40.  Até 25 de agosto. Cotações: Ana Lúcia Vieira: *(Regular). Claudia Chaves: * (Regular). Felipe Leopardo: °(Ruim). Teresa Mascarenhas: * (Regular).

HELL  –  Adaptação de Hector Babenco e Marco Antonio Braz. Direção de Hector Babenco.. Com Bárbara Paz e Paulo Azevedo. O espetáculo é uma adaptação do romance da jovem escritora francesa Lolita Pill, que faz um retrato devastador da juventude rica e consumista de Paris, que preenche suas vidas com sexo, álcool, drogas e roupas de grife e mostra total inabilidade de vivenciar um amor verdadeiro. Teatro dos Quatro, Shopping da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 52, 2º andar (2274-9895). Cap.: 402 pessoas. 5ª a sáb., às  21h30; dom., às 20h.  R$ 60 (5ª), R$ 70 (6ª) e R$ 80 (sáb. e dom.). Estudantes e idosos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h10.  Até 28 de agosto.  CotaçõesClaudia Chaves: *** (Ótimo). Teresa Mascarenhas: *** (Ótimo).

UMA HISTÓRIA DE BORBOLETAS – Baseado em  conto de Caio Fernando Abreu. Direção de Marcelo Aquino. Com Catarina Dall’Orto, Gabriela Munhoz, Marcos Suhre e Vinícius Pereira. Músicos: Paulo Betto Meirelles e Luiz Alves. Direção musical: Marcos Suhre. A peça trata não só da tênue fronteira entre sanidade e loucura, mas principalmente do amor entre duas pessoas. Um amor tão intenso que não cabe mais nesta realidade, nem nas cabeças dos amantes. Barteliê, Rua Vincius de Morais, 190, ap. 03, Ipanema (2522-1141). Cap.: 50 pessoas.  4ª, às 20h30.  R$ 12. 14 anos. Duração: 1h. Até 24 de agosto.

A HISTÓRIA DE NÓS 2 – Texto de Lícia Manzo. Direção de Ernesto Piccolo. Com Alexandra Richter e Marcelo Valle. A comédia explora as diferentes facetas de um homem e uma mulher dentro do casamento e das exigências do mundo contemporâneo. Teatro Miguel Falabella, NorteShopping, Avenida Dom Hélder Câmara, 5.465, Del Castilho (2597-4452). Cap.: 456 pessoas. 5ª à sáb. às 21h; dom., às 20h. R$ 50. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h10. Até 21 de agosto. Cotações: Claudia Chaves: *** (Ótimo). Teresa Mascarenhas: ** (Bom)

O HOMEM, A BESTA E A VIRTUDE - Texto de Luigi Pirandello. Tradução de Marcos Caruso. Concepção da Encenação: Débora Duboc. Direção de  Marcello Lazzaratto. Com Débora Duboc, Gabriel Miziara, Fernando Fecchio e Thiago Adorno. Participação de Rogério Santos. A  história da Senhora Perella, mulher de um capitão de navio, que durante as viagens do marido acaba ficando grávida do amante. Com o retorno do capitaõ, os dois amantes se desdobram em um plano maluco para fazer o capitão acreditar que o filho é dele. A tentativa de esconder o adultério e a gravidez movimenta a trama em tom de comédia e deixa claro a hipocrisia da moral burguesa. Teatro dos Quatro, Shopping da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 52, 2º andar (2274-9895). Cap.: 402 pessoas. 3ª  e 4ª, às 21h30. R$ 40. Estudantes e idosos pagam meia. 10 anos. Duração: 1h20. Promoção: grátis para estudantes e professores da rede pública.  Até 7 de setembro. CotaçõesClaudia Chaves: *** (Ótimo).  Ana Lucia Vieira: ** (Bom)Teresa Mascarenhas: ** (Bom).

O IDIOTA – PRIMEIRO DIA - Texto de Fiódor Dostoiévski. Direção de Fábio Ferreira. Dramaturgia: Oscar Saraiva. Com Bruna Brignol, João Lucas Romero, Natacha Gaspar, Pedro Emanuel, Sergio Santoian e Yasmin Garcez. O príncipe Michkín retorna a Petesburgo, após permanecer vários anos em um sanatório tratando sua epilepsia, para reclamar sua herança na Rússia.A inocência e a compaixão sem limites do rei vai se chocar com o desregramento mundano de um mundo obcecado por dinheiro, poder e conquistas. Centro Cultural Municipal Parque das Ruínas, Rua Murtinho Nobre 169, Santa Teresa (2215-0621). Cap.: 60 pessoas. 6ª a dom., às 19h.R$ 16.Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h30. Até 25 de setembro. 

INBOX - Texto de Clarice Falcão e Gregório Duvivier. Direção de Bel Garcia. Com Maria Eduarda e Gregório Duvivier. Clara, uma escritora em crise criativa e com um relacionamento de dez anos desgastado, se encanta com John, um fã que conheceu na internet e com quem desenvolve uma relação virtual que a fará rever seu relacionamento e sua vida profissional. Centro Cultural Justiça Federal, Av. Rio Branco, 241, Centro (3261-2550). Cap.: 142 pessoas. Sáb. e dom., às 19h. R$ 20. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h. Até 18 de setembro. 

O INCRÍVEL SEGREDO DA MULHER-MACACO – Espetáculo da Cia. Os Surtados. Texto e direção de Saulo Sisnando.  Com  Wendell Bendelack e Rodrigo Fagundes. A  comédia-terror conta um história sangrenta e absurda envolvendo uma heroína preocupada com os preparativos de seu casamento, um noivo milionário, uma cruel criada, um desconhecido em busca de abrigo, uma matriarca paralítica, uma atriz de cinema de identidade falsa. Seis personagens.  Seis segredos. Teatro Cândido Mendes, Rua Joana Angelica, 63, Ipanema (2267-7295). Cap.: 133 pessoas.  6ª e sáb., às 21h; dom., às 20h.  R$ 50. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h20. Até 9 de outubro. 

LENTE DE AUMENTO – Texto e interpretação de Leandro Hassum. Direção de Daniela Ocampo. O humorista faz uma sátira aos aspectos ridículos e inusitados de algumas situações do cotidiano. Teatro das Artes, Shopping da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 52, 2º piso, Gávea (2540-6004). Cap.: 457 pessoas. 6ª e sáb., às 21h; dom., às 20h30.  R$ 70.  Estudantes e idosos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h15. Até  30 de outubro. 

MACHADO DE ASSIS - Direção de Evandro Meirelles Santos. Adaptação e Interpretação de Joana Ferry. O espetáculo que reúne teatro e literatura traz a adaptação para o palco de quatro contos de Machado de Assis: “Pai Contra Mãe”, “O Relógio de Ouro”, “O Espelho” e “Cantiga de Esponsais”. Centro Cultural Solar de Botafogo, Rua General Polidoro, 180, Botafogo (2543-5411). Cap.: 180 pessoas. Sáb. edom., às 17h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 10 anos. Duração: 1h15. Até 25 de setembro.

MUITA MULHER PRA POUCO MUSICAL - Roteiro de Ana Luisa Leite. Direção de Claudia Ricart. Direção musical de Dani Calazans. Com As Sadomusicistas: Aline Carrocino, Ana Luisa Leite, Aurora Dias, Marcela Dias e Tatiana Sobral. Ator convidado: Rafael de Castro. A comédia conta a história de cinco atrizes de um coro que sonham participar de um musical. O espetáculo reúne números de musicais contemporâneos da Broadway e Off Broadway versados para o português. Através do estilo dos antigos cabarés, as atrizes revisitam as conhecidas canções dando-lhes um novo contexto, com muito deboche e ironia. Teatro Cândido Mendes, Rua Joana Angelica, 63,  Ipanema (2267-7295). Cap.: 133 pessoas. 5ª, às 21h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h. Até 6 de outubro.

NINGUÉM FALOU QUE SERIA FÁCIL – Criação do  grupo Foguetes Maravilha. Texto de Felipe Rocha.  Direção de Alex Cassal e Felipe Rocha. Com Felipe Rocha, Renato Linhares e Stella Rabello. O espetáculo lança um olhar ácido e bem-humorado sobre o fluxo da vida, com personagens e situações que falam das angústias humanas desde a infância até a vida adulta. Teatro Gláucio Gill, Praça Cardeal Arcoverde, s/nº, Copacabana (2332-7904). Cap.: 104 pessoas. 5ª e 6ª, às 21h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 16 anos. Duração: 1h30. Até 26 de agosto.  Cotação /Daniele Ávila: **** (Excelente).  (Nesta sexta não haverá espetáculo) 

NISE DA SILVEIRA – SENHORA DAS IMAGENS – Direção de Daniel Lobo. Coreografias de Ana Botafogo. Trilha original de João Carlos Assis Brasil.  Com Mariana Terra.  O espetáculo reúne teatro, música, dança e projeções multimídia para montar um painel dos acontecimentos marcantes da vida da psiquiatra Nise da Silveira, pioneira no uso das artes para os tratamentos psiquiátricos. Participação em off de Carlos Vereza, cuja voz dá vida ao psicanalista Carl Gustav Jung, referência fundamental na vida da personagem. Centro Cultural Justiça Federal, Av. Rio Branco, 241, Centro (3261-2550). Cap.: 142 pessoas. 4ª e 5ª, às 19h.  R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 16 anos. Duração: 1h30. Até 25 de agosto. 

NOEL - FEITIÇO DA VILA - De Andréia Fernandes. Direção de Édio Nunes e Jorge Luis Cardoso. Direção Musical de  Wladimir Pinheiro. Com a Cia. de Theatro Musical Brazileiro. O musical com treze atores e dois músicos resgata a trajetória do compositor Noel Rosa, com o cenário histórico e cultural que influenciaram as suas mais de 300 composições, além da sua relação com a boêmia e seus amores. Teatro Municipal Café Pequeno, Av. Ataulfo de Paiva, 269, Leblon (2294-4480). Cap.: 110 pessoas. 6ª e sáb., às 21h30; dom., às 20h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. Livre. Duração: 1h.  Até 28 de agosto. 

NOVECENTOS – Texto de Alessandro Baricco. Direção de Victor Garcia Peralta. Com Isio Guelman. As reflexões de um homem que passou toda a sua vida dentro de um navio a vapor. Midrash Centro Cultural, Rua General Venâncio Flores, 184, Leblon (2239-1800). Sáb., às 21h; dom., às 20h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. Livre. Duração: 1h10. Até 28 de agosto.

OUTSIDE - UM MUSICAL NOIR - Espetáculo d’Aquela Companhia de Teatro.  Texto de Pedro Kosovski. Direção de Marcos André Nunes. Direção musical de Felipe Storino. Com Leticia Spiller, André Mattos e elenco. Partcipação da Banda Outsiders. Livremente inspirado no universo artístico de David Bowie, o musical noir movido ao som do mais puro rock’n roll  traz uma trama policial passada nos corredores de uma galeria de arte e leva a uma reflexão sobre os limites da arte e a ideia de crime como manifestação artística. Espaço Tom Jobim, Rua Jardim Botânico, 1008, Jardim Botânico ( 2274-7012).6ª e sáb., às 21h; dom., às 20h30. R$ 60. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 2h. Até 28 de agosto. Cotação: Teresa Mascarenhas: ** (Bom).

POR POUCO – Texto de  Samuel Benchetrit. Tradução de  Jacqueline Laurence. Direção de  Ary Coslov. Com Ilvio Amaral, Maurício Canguçu, Flávia Fernandes e Wolney Oliveira. Os idosos  Paul e Jules. se conhecem no hospital e ao receberem a notícia de que lhes restam poucos dias de vida, resolvem fugir daquele lugar. A partir daí, mesclando drama e comédia, os dois cruzam com histórias de outras pessoas, refletem sobre suas próprias vidas, seus sonhos, decisões que tomaram ou deixaram para trás. Teatro Poeira, Rua São João Batista, 104, Botafogo (2537-8053). Cap.: 182 pessoas. 5ª a sáb., às 21h; dom., às 19h.  R$ 30 (5ª e 6ª) e R$ 40 (sáb. e dom.). Estudantes e maiores de 60 anos  pagam meia. 10 anos. Duração: 1h. Até 27 de setembro. CotaçõesClaudia Chaves: ** (Bom). 

QUEM GUENTA COM ESSA VERDADE? - Texto e direção de Fabrisio Coelho. Com Alex Gomes, Flávia Siqueira,  Lino Correa, Rita Luz e Jeferson Jima. Além da total desarmonia, família de classe média enfrenta a falência e é obrigada a se refugiar na casa do fiel mordomo da família no subúrbio carioca. Teatro Princesa Isabel, Av. Princesa Isabel, 186, Copacabana (2275-3346).  Cap.: 320 pessoas. Sáb. e dom., às 20h.  R$ 40. Estudantes, professores e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h30.  Até 25 de setembro. 

R & J DE SHAKESPEARE - JUVENTUDE INTERROMPIDA - De Joe Calarco. Tradução de Geraldo Carneiro. Direção de João Fonseca. Com João Gabriel Vasconcellos, Rodrigo Pandolfo, Pablo Sanábio e Felipe Lima. Em uma escola católica extremamente conservadora, quatro estudantes exploram o texto Romeu e Julieta como uma fuga da repressão em que vivem, e através disso exploram suas próprias sexualidades e começam a a ‘viver’  todos os diálogos e emoções do clássico. Teatro Leblon / Sala Fernanda Montenegro, Rua Conde de Bernadote, 26, Leblon (2529-7700). 3ª e 4ª, às 21h. R$ 50. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 16 anos. Duração: 1h45. Até 24 de agosto. Cotações: Claudia Chaves: *** (Ótimo). Teresa Mascarenhas: ** (Bom).

RODÍZIO DA COMÉDIA - Os humoristas Bemvindo Sequeira e Felipe Absalão se se revezam no palco mostrando as suas visões do dia a dia no melhor estilo da stand up comedy e ainda poderão contar com convidados. Teatro Eduardo Kraichete/ Espaço Cultural  Associação Médica Fluminense, Av. Roberto Silveira, 123, Icaraí, Niterói (2710-1549). Cap.: 330 pessoas. 5ª, às  21h. R$ 40. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 1h. Até 25 de agosto. 

ROSA – Texto de Martin Sherman. Direção de Ana Paz. Com  Debora Olivieri. Rosa é uma senhora judia de aproximadamente 80 anos que, durante o shivah (período do luto judaico), relembra sua vida, desde a infância numa cidadezinha da Ucrânia até seus dias atuais, em Miami Beach.  Com leveza, emoção e ironia, a personagem nos conduz para quase um século de histórias. Teatro Leblon / Sala Tônia Carrero, Rua Conde de Bernadote, 26, Leblon (2259-7700). Cap.: 210 pessoas. 5ª a sáb., às 19h; dom., às  18h. R$ 50 (5ª e 6ª)  e R$ 60 (sáb. e dom.). Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 12 anos. Duração: 1h20. Até 28 de agosto. Cotações: Ana Lúcia Vieira: ** (Bom).  Daniel Schenker: * (Regular). Teresa Mascarenhas: *** (Ótimo).

SALTO EM FÚRIA – Texto de Hellen Suque e Raphael Miguel. Direção de Marcus Alvisi. Com Hellen Suque. Depois de flagrar o noivo com outra na cama, mulher de 31 anos, incapaz de superar a traiçõa, começa uma busca alucinada por vingança, envolvendo-se em situações patéticas que só aumentam sua histeria. Teatro Candido Mendes, Rua Joana Angelica, 63, Ipanema (2267-7295). Cap.: 130 pessoas.  3ª e 4ª, às  21h.  R$ 40.  Estudantes e maiores de 60 anos  pagam meia. 14 anos. Duração: 1h. Até 5 de outubro. 

SAUDADES DE UMA DAME – Direção de Almir França. Performance da transformista  Lorna Washington que fala com humor de temas como preconceito,  solidariedade e respeito.  Teatro de Bolsa/ Empório Almir França, Travessa Dr. Araújo, 55, Praça da Bandeira (2293-6428). Cap.: 50 pessoas. Sáb., às 21h. R$ 30. Estudantes, maiores de 65 anos e gays militantes pagam meia. 18 anos. Duração: 1h. Até 24 de setembro.

SERGIO MALLANDRO SEM CENSURA -  Direção de Mary Leão. Texto e atuação de Sergio Mallandro. O irreverente humorista narra trechos de sua carreira, desde a estreia na televisão até  passagens pelo cinema e sucessos musicais como “Vem fazer glu glu” e “Bilu Teteia”. Teatro das Artes, Shopping da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 52, 2º piso, Gávea (2540-6004). Cap.: 457 pessoas. 6ª e sáb., às 23h. R$ 70.  Estudantes e maiores de 60 anos  pagam meia. 14 anos. Duração: 1h.  Até 24 de setembro.

SOLANO E RIOS – Texto de José Sanchis Sinisterra. Direção de  Alexandre Mello. Com Eduardo Hoffmann e  e Rogério Garcia. Dois  atores medievais,  perdidos no tempo  há 400 anos, falam da do teatro e da arte do ator.  No embate com o público contam suas histórias e refletem o sentido de suas trajetórias. Centro Cultural Justiça Federal, Av. Rio Branco, 241, Centro (3261-2573). Cap.: 142 pessoas. 3ª , às 19h.  R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 16 anos. Duração: 1h10. Até 6 de setembro. 

[email protected] - Texto de Luca Millani. Direção de Will Gama. Com  Aline Mendonça, Eduardo Rossan, Waleska Saddock e Will Gama. A comédia retrata  uma família totalmente contagiada pelo peso do stress, enquanto o público se identifica com seus cômicos conflitos. Centro Cultural Anglo Americano, Av. das Américas 2.603, Barra da Tijuca, anexo ao colégio Anglo Americano (2439-8002). Cap.: 260 pessoas. Sáb., às 20h; dom., às 19h30. R$ 40.  Estudantes e maiores de 60 anos. Doadores de um quilo de alimento não-perecível: R$ 15. 14 anos. Duração: 1h20. Até 28 de agosto.

TANGO, BOLERO E CHA CHA CHA - Texto de Eloy Araújo. Direção de Bibi Ferreira. Com Edwin Luisi, Alice Borges, Johnny Massaro, Carolina Loback, e Carlos Bonow. O ator Edwin Luisi é  Lana Lee, transexual que um dia se chamou Daniel. Dez anos depois de abandonar a família, ele – agora ela – retorna  para explicar o sumiço e apresentar seu novo marido. Em uma sequência de mal entendidos, auxiliados pela empregada Genevra, o filho e a ex-mulher vão sabendo aos poucos sobre a nova vida de Daniel. Teatro dos Grandes Atores, Shopping Barra Square, Av. das Américas, 3.555, Barra da Tijuca (3325-1645). Cap.: 396 pessoas. 5ª a sáb., às 21h; dom., às às 20h. R$ 70 (5ª, 6ª e dom.) e R$ 80 (sáb.). Estudantes e maiores de 60a nos  pagam meia. 14 anos. Duração: 1h20. Até 25 de setembro. CotaçõesClaudia Chaves: ** (Bom). 

TIM MAIA - VALE TUDO, O MUSICAL  - Texto de Nelson Motta. Direção de João Fonseca. Direção musical de Alexandre Elias. Com Tiago Abravanel, Isabella Bicalho, Lilian Valeska, Pedro Lima e elenco.  A trajetória do controverso e anárquico Tim Maia é contada através de episódios memóraveis e hilários  radiografados com precisão de detalhes por Nelson Motta, amigo e autor da sua biografia. Teatro Carlos Gomes, Praça Tiradentes, 19, Centro ( 2232-8701). Cap.: 685 pessoas. 5ª a sáb., às 20h; dom., às 18h. R$ 40 (5ª, 6ª e dom.) e  R$ 50 (sáb.). Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 14 anos. Duração: 2h10. Até 4 de setembro. CotaçõesAna Lúcia Vieira: *** (Ótimo). Claudia Chaves: **** (Excelente). Teresa Mascarenhas: ** (Bom). Neste domingo ingressos a R$ 1. 

Leia aqui a crítica de 'Tim Maia - Vale Tudo, o Musical'

TODOS OS CACHORROS SÃO AZUIS - Adaptação do romance homônimo do jornalista e poeta Rodrigo de Souza Leão (1965-2009). Direção de Michel Bercovitch. Supervisão de dramaturgia de Manoela Sawitzski e Ramon Mello. Com Ramon Mello, Camila Rhodi, Natasha Corbelino, Gabriel Pardal e Bruna Renha. Baseado em sua trajetória pessoal, um esquizofrênico faz um relato comovente e ao mesmo tempo cheio de humor e autoironia sobre sua vida. Teatro Municipal Maria Clara Machado, Planetário da Gávea, Av. Padre Leonel França, 240, Gávea (2274-7722). Cap.: 124 pessoas. Sáb., às 21h; dom., às 20h. R$ 30. Estudantes e idosos pagam meia. 16 anos. Duração: 1h20. Até 4 de setembro. Neste domingo ingressos a R$ 1.

TRABALHOS DE AMORES QUASE PERDIDOS - Texto e direção de Pedro Brício. Com Branca Messina, João Velho, Lúcia Bronstein e Pedro Henrique Monteiro. A trama entrelaça um trio de amigos: um casal, que apesar de toda a afinidade sentimental acaba se separando, e o amigo, o cáustico narrador que olha de fora as histórias que falam sobre  amizade, amor e amadurecimento através da dor. Espaço Cultural Municipal Sergio Porto, Rua Humaitá, 163, Humaitá, entrada pela Rua Visconde e Silva (2535-3846). Cap.: 100 pessoas. 6ª e sáb., às 21h; dom., às 20h. R$ 20. Estudantes e maiores de 60 anos pagam. 16 anos. Duração: 1h30. Até 28 de agosto. Neste domingo ingressos a R$ 1.

VELHA É A MÃE – Texto de Fábio Porchat. Direção de João Fonseca. Com Louise Cardoso e Ana Bayard. Mulher de 70 anos, mas que aparenta pouco mais de 50 graças a plásticas e muita academia, entra em surto quando o marido a troca por uma mulher menos vaidosa e mais centrada.  Teatro Clara Nunes, Shopping da Gávea,  Rua Marquês de São Vicente, 52, 3º piso, Gávea (2274-9696). Cap.: 527 pessoas. 6ª e sáb., às 21h30;  dom.,  às 20h. R$ 70 (6ª e dom.) e R$ 80 (sáb.). Estudantes e maiores de 60 anos  pagam meia. 12 anos. Duração 1h10. Até 30 de outubro.  Cotação/Daniel Schenker: * (Regular). 

UM VIOLINISTA NO TELHADO –  Texto de Joseph Stein. Versão brasileira de Claudio Botelho. Direção de Charles Möeller. Com José Mayer, Soraya Ravenle, Rachel Rennhack, Malu Rodrigues e elenco. Tevye (José Mayer), um rústico leiteiro de um vilarejo judeu encravado na Rússia Czarista, entra em conflito com as três filhas, que desafiam a tradição judaica  ao rejeitar casamentos arranjados e adotar comportamentos que desviam do estabelecido. Além dos  conflitos familiares, Teyve enfrenta a hostilidade de grupos russos orientados pelas diretrizes anti-semitas do Czar. Oi Casa Grande, Av. Afrânio de Mello Franco, 290, Leblon (2511-0800). Cap.: 926 pessoas.  5ª e 6ª, às 21h; sáb., às 17h30 e 21h30; dom., às 19h. Preços: Balcão setor 3: R$ 40 (5ª e 6ª) e R$ 60 (sáb. e dom.); Balcão setor 2: R$ 80 (5ª e 6ª) e R$ 100 (sáb. e dom.);  Plateia setor 1: R$ 100 (5ª e 6ª) e R$ 120 (sáb. e dom.);   Plateia vip e camarotes: R$ 120 (5ª e 6ª) e R$ 150 (sáb. e dom.); Estudantes e idosos pagam meia. 5 anos. Duração: 2h10 (com intervalo). Até 18 de setembro. Cotações: Felipe Leopardo: *** (Ótimo). Teresa Mascarenhas: **** (Excelente).

ÚLTIMOS DIAS

ANTES DA COISA TODA COMEÇAR - Dramaturgia de Maurício Arruda Mendonça e Paulo de Moraes  Direção de Paulo de Moraes. Direção Musical de Ricco Viana. Com Patrícia Selonk, Thales Coutinho, Simone Mazzer, Ricardo Martins,Marcelo Guerra, Simone Vianna e Verônica Rocha. O espetáculo da Armazém Companhia de Teatro traz personagens que atravessam processos distintos e vivenciam diferentes situações marcadas pelos impasses da vida e os impasses da morte, seguindo na tentativa de não se acomodarem diante das regras do mundo. Espaço Armazém – Fundição Progresso, Rua dos Arcos, 24,Lapa (2210-2190). 5ª a dom., às 20h. R$ 30. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia. 16 anos. Duração: 1h40. Até 14 de agosto. Cotação: Teresa Mascarenhas: * (Regular).

BABY – Texto original de  Sybille Pearson. Letras: Richard Maltby Jr. Música: David Shire. Versão brasileira de Flávio Marinho e Tadeu Aguiar. Direção de Fred Hanson. Direção musical: Liliane Secco. Coreografia: Kátia Barros. Com Tadeu Aguiar, Amanda Acosta, Sylvia Massari, André Dias, Sabrina Korgut, Olavo Cavalheiro e elenco. O musical conta a história de três casais: dois jovens universitários que tem que lidar com uma gravidez inesperada; um casal na faixa dos 35 anos que deseja uma criança; e outro,  com filhos já criados, que são surpreendidos com um temporão.  A chegada do bebê provoca  diferentes reaçãoes, crises, dores e alegrias entre os casais. Teatro João Caetano, Praça Tiradentes, s/nº, Centro (2332-9257). Cap.: 1.222 pessoas.  5ª a   sáb.,  às 20h; dom., às 18h. R$ 50 (5ª e 6ª) e R$ 70 (sáb. e dom.). Estudantes e idosos pagam meia. Vendas na bilheteria somente em dinheiro. Livres.  Duração: 2h30 (com intervalo). Até 14 de agosto. Cotações: Claudia Chaves: ** (Bom). Teresa Mascarenhas: ** (Bom).