Joaquim Barbosa rejeita possibilidade de ser vice na chapa de Sergio Moro

O ex-ministro do STF avalia que Sergio Moro deveria ser candidato ao Senado, onde poderia ter mais chances de vitória

Foto: Fellipe Sampaio/STF
Credit...Foto: Fellipe Sampaio/STF

Ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa foi procurado por Sergio Moro (Podemos) para discutir o cenário eleitoral de 2022.

Embora tenha confirmado que pretende conversar com o ex-juiz, Barbosa deixou claro para aliados que jamais toparia ser candidato a vice-presidente de Moro, segundo informações do Metrópoles.

Barbosa disse a pessoas próximas que o desempenho eleitoral de Moro tem um "teto" que impedirá o ex-juiz de chegar ao segundo turno da disputa pelo Palácio do Planalto neste ano.

Para ele, Moro deveria tentar uma vaga no Senado, pois seu desempenho nas pesquisas é muito baixo. Barbosa acha que, para ser competitivo, ele deveria ter um percentual maior, já que faltam alguns meses para eleição.

Joaquim Barbosa também afirmou ter críticas às companhias que poderiam compor um eventual governo de Sergio Moro, principalmente os militares e antigos procuradores da Lava Jato.

Para ele, com esses aliados, o ex-juiz vai "manter a sombra autoritária" e não conseguirá resolver os problemas emergenciais do Brasil, como a desigualdade e a crise entre as instituições democráticas. (com agência Sputnik Brasil)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais