"Bolsonaro vai preso se tentar golpe", diz Alessandro Vieira

Para o senador, já existem fatos que podem configurar crime por parte direta do presidente na condução do combate à pandemia do novo coronavírus

Foto: Senado Federal
Credit...Foto: Senado Federal

Julinho Bittencourt, da Revista Forum: O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE), suplente na CPI da Covid, afirmou em entrevista ao Congresso em Foco neste sábado (21), que o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) será preso se vier a tentar um golpe. Para ele, já existem fatos que podem configurar crime por parte direta do presidente na condução do combate à pandemia do novo coronavírus.

“Ele acredita que o caminho autoritário é melhor. Bolsonaro realmente mostra um absoluto desapreço pela democracia, pelas instituições e não quer fazer um esforço pela democracia de negociar, dialogar, ouvir a sociedade. Isso aponta para uma postura golpista, então eu acredito que Jair Bolsonaro possivelmente tentaria um golpe”, declara o senador. “A postura dele é muito baseada no seu desejo de permanecer no poder, seja através de uma reeleição ou seja através do golpe. Então tudo que ele faz é focado nisso, não tem uma base mobilizada.”

O senador, entretanto, diz ter certeza que Bolsonaro não teria condições de concluir um golpe de Estado no Brasil. “Tentar é possível sim e acredito que vai gerar um trauma nacional muito grande. Acredito que nossas instituições são robustas o suficiente para suportar esse desafio”, explica o parlamentar. “São poucos crimes que são mais graves que uma tentativa de golpe. A consequência é a cadeia.”

Leia a entrevista completa no Congresso em Foco



Para o senador, já existem fatos que podem configurar crime por parte direta do presidente na condução do combate à pandemia do novo coronavírus
Senador Alessandro Vieira