A experiência histórica

.

Pior dos males
é a agressão.
                    Amós Oz (2004)

 

Quando o Estado colapsou na União Soviética, o vazio de poder foi tomado por um punhado de cleptocratas, concretamente dotados de capacidade para exercer o poder político mediante sistemático uso da violência.

Em democracias amadurecidas, a violência arbitrária do Estado contra seus cidadãos é efetivamente limitada.

A democracia só pode ser sustentada por meio de instituições criadas por mandato popular, obrigadas a prestar contas ao povo: principal propósito é impedir que se recorra à violência para solucionar diferenças de opinião.

Tão somente um sistema político capaz de restringir o opressor será igualmente capaz de restringir o oprimido.

A autocracia russa oferece oportunidades para divergências somente àqueles que representam os seus interesses. Em consequência disso, aqueles que exercem o poder sobre a sociedade o fazem ao arrepio dos interesses dela.

Que espécie de ordem internacional pode ser exercida a partir de aspirações díspares das principais lideranças?

As sociedades não conseguem avançar pela história na suposição de que todas as opções estejam ao seu dispor. Hoje os europeus buscam responder a circunstâncias imediatas ocasionadas pela guerra de agressão na Ucrânia.

A experiência histórica demonstra que é impossível ordem internacional estável sem haver solução negociada.

Engenheiro, é autor de "Por Inteiro" (Multifoco, 2019)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais