Justiça cassa liminar sobre segunda fase da UFMG

 

A Justiça Federal do Maranhão cassou nesta sexta-feira liminar que dava o direito a 3.326 estudantes de realizarem a segunda fase do vestibular da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

A decisão aponta que a UFMG não é obrigada a incluir na segunda etapa do vestibular candidatos que não obtiveram classificação pelo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A segunda fase foi aplicada entre os dias 23 e 29 de janeiro, e a lista de aprovados foi divulgada na última quarta-feira, 9. Apenas candidatos que se classificaram para esta etapa segundo os indicativos do Enem podem estar da lista.