Restos mortais de candidato a beato são enterrados em SP

SÃO PAULO - O bispo diocesano Dom Moacir Silva realizou, na manhã desta quarta-feira, a cerimônia de entronização dos restos mortais do advogado Franz de Castro Holzwarth na igreja Matriz São José, em São José dos Campos (SP). Os restos mortais de Holzwarth estavam enterrados em Barra do Piraí, no interior do Rio de Janeiro, e serão enterrados na Matriz de São José dos Campos.

Atualmente, a Diocese trabalha no processo de beatificação do advogado. Até o dia 22 de dezembro, um trabalho com documentos e depoimentos de testemunhas será enviado ao Vaticano. Só após a aprovação do Vaticano, o advogado será beatificado.

Em fevereiro de 1981, o advogado foi morto em uma rebelião no presídio de Jacareí (SP). Ele mediava um motim e se ofereceu como refém no lugar de um policial. Franz acabou morto com mais de 30 tiros durante a rebelião. O processo de beatificação do advogado foi aberto em março de 2009.