Operação da PF combate venda irregular de madeira em Mato Grosso

Portal Terra

CUIABÁ - A Polícia Federal em Mato Grosso cumpre durante a manhã 29 mandados de prisão e 58 de busca e apreensão em 14 municípios para combater o crime ambiental no Estado. Segundo a Operação Termes, funcionários públicos estaduais e federais estariam envolvidos em um esquema de liberação de carga irregular de madeira.

Entre os suspeitos, estão funcionários da Secretaria Estadual de Meio Ambiente, do Instituto de Defesa Agropecuária (Indea), da Delegacia Estadual de Meio Ambiente (Dema) e da Polícia Rodoviária Federal. De acordo com a PF, há nove mandados de prisão para policiais rodoviários.

Segundo as investigações, a madeira era comercializada com notas fiscais irregulares.

Ainda não há informação sobre a quantidade de mandados de já foram cumpridos. Os presos estão sendo encaminhados para a Superintendência da PF em Cuiabá.