Arthur Virgílio presta homenagem ao senador Jefferson Péres

Agência JB

RIO - Ao ficar ciente das acusações feitas ao senador Jefferson Péres (PDT-AM), o líder do PSDB no Senado Federal, Arthur Virgílio (AM), prestou solidariedade ao parlamentar e classificou o dossiê contra Péres, que teria sido distribuído a senadoras, de "peça de campanha eleitoral" e disse que se trata de uma tentativa de intimidação contra o colega, que é relator da terceira representação contra o presidente licenciado do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).

O líder do PSDB disse não esperar - e não aceitar - outra providência de Jefferson Péres que não seja o pedido de cassação de Renan por quebra de decoro parlamentar.

- Espero um relatório claro e firme. É impossível dizermos que não houve quebra de decoro. O que tem valor para mim é a crise em que a intransigência do senador Renan Calheiros de se manter na Presidência da Casa por todo aquele tempo mergulhou o Senado Federal. Isso, para mim, já configura claramente a quebra de decoro - disse Arthur Virgílio.

Outros dez senadores cumprimentaram o líder do PSDB pelo discurso e também prestaram solidariedade ao senador Jefferson Péres.