Povos tradicionais ganham política de desenvolvimento sustentável

Agência JB

BRASÍLIA - A Procuradoria Geral da República, em Brasília, lança nesta sexta-feira a Política Nacional de Desenvolvimento Sustentável dos Povos e Comunidades Tradicionais. Instituída em 7 de fevereiro deste ano, a política busca promover o reconhecimento, o fortalecimento e a garantia aos povos e comunidades tradicionais de seus direito territoriais, sociais, ambientais, econômicos e culturais.

Além de autoridades do governo federal, participam do lançamento representantes de comunidades agroextrativistas da Amazônia, seringueiros, indígenas, sertanejos, comunidades remanescentes de quilombos, geraizeiros, pantaneiros, pescadores artesanais, caiçaras, entre outros.