Moraes atende TSE e inclui Bolsonaro no inquérito das 'fakes news'

Ministro determinou também a transcrição oficial pela Polícia Federal (PF) da transmissão semanal ao vivo na qual o presidente prometia apresentar provas contra o sistema eletrônico de votação, e não o fez

STF
Credit...STF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), acolheu notícia-crime enviada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que o presidente Jair Bolsonaro seja investigado no inquérito das fake news, disse há pouco a Globonews. O envio da notícia-crime contra Bolsonaro foi aprovada em sessão de abertura do semestre pelos ministros do TSE na segunda-feira (2).

Moraes determinou também a transcrição oficial pela Polícia Federal (PF) da transmissão semanal ao vivo em que ele prometia apresentar provas contra o sistema eletrônico de votação e não as apresentou.

O ministro do STF ordenou que sejam ouvidos em dez dias o ministro da Justiça, Anderson Torres, e o coronel da reserva do Exército Eduardo Gomes da Silva, apresentado por Bolsonaro como "analista de inteligência", que participaram da live, e outras três pessoas.(Agência Estado)

DETALHES A SEGUIR