Brasil registra recorde de 3.251 mortes pela covid-19 e óbitos se aproximam de 300 mil

.

Foto: Reuters / Amanda Perobelli
Credit...Foto: Reuters / Amanda Perobelli

Brasil registrou 3.251 mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas, fazendo total de óbitos chegar a 298.676, segundo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) divulgou nesta terça-feira (23).

De acordo com a entidade, foram contabilizados 82.493 novos casos de coronavírus no país. Ao todo, 12.130.019 pessoas já foram infectadas pelo vírus.

O Brasil vem registrando recorde de mortes e casos de covid-19 nas últimas semanas. De acordo com o Conass, é a segunda vez que o número de óbitos ultrapassa 3.000 em um único dia. No dia 17 de março, a entidade contabilizou 3.149 mortes.

O estado de São Paulo registrou nesta terça-feira (23), de acordo com dados da Secretaria de Saúde, 1.021 mortes pela COVID-19, recorde em 24 horas desde o início da pandemia.

Colapso do sistema de saúde
Com hospitais lotados e falta de insumos, Diversas cidades do país correm risco de colapso do sistema de saúde. Para tentar controlar a crise e diminuir a velocidade de disseminação do vírus, prefeitos e governadores voltaram a apertar as medidas de isolamento social.

Em São Paulo, o Centro de Contingência enviou proposta para estender as restrições por mais 15 dias. O colegiado diz que o sistema de saúde colapsou na semana passada e é importante que o isolamento tenha duração mínima de um mês.

No Distrito Federal, há relatos de pessoas sendo atendidas na recepção de hospitais e corpos que permanecem nos chão das unidades esperando para serem removidos. (com agência Sputnik Brasil)