Gilmar Mendes faz seu mais duro ataque à Lava Jato, e compara força-tarefa ao PCC

.

Carlos Moura/STF
Credit...Carlos Moura/STF

O ministro Gilmar Mendes comparou a Lava Jato ao PCC, maior grupo criminoso do país. Em entrevista nesse domingo (28) à Tribuna do Norte, de Natal, Gilmar disse que o conteúdo das conversas entre procuradores, juízes e delegados, apreendido pela Polícia Federal na Operação Spoofing, "dá asco". E citou o caso da delegada Erika Marena, que teria forjado um depoimento para atender aos procuradores.

- O conteúdo das mensagens, às vezes, dá um asco. A ideia de transferir alguém para um presídio para que ele fale ou delate; de alongar a prisão. Veja essa delegada que teria falsificado depoimento. O que isso significa? Conversa de procuradores ou é conversa de gente do PCC? Tudo isto é muito chocante.

LEIA A ÍNTEGRA DA ENTREVISTA AQUI