O caso da ex-mulher de Bolsonaro: cada dia cheira pior

E mais: Bradesco, Alexandre de Moraes, STF, Zé do Trovão, Mandetta, 'Agro é pop', Eletrobras, Haroldo Barbosa, Ambev, MAM Rio etc

Foto: reprodução
Credit...Foto: reprodução

No território nem tão livre assim da internet, surgiu o caso da ex-mulher do presidente da República, Ana Cristina Siqueira Valle, mãe do filho 04, o mais novo entre os rapazes. Madame pôs em casa um amigo de seu cabeleireiro dos tempos da pobreza em Resende, deu a ele cargo na Alerj enquanto o serviço prestado era doméstico; ainda assim, ficava com 80% do holerite do funcionário, além da totalidade dos recebidos por ele da Assembleia a título de férias e 13º. Notícia foi publicada no site Metrópoles.

Com dinheiro público madame é implacável. O funcionário, agora ex, descontente com o tratamento que vinha recebendo da alta corte da rachadinha, resolveu pôr a boca no trombone: madame fazia o mesmo – a repartição do contracheque – com 17 outros funcionários do gabinete do enteado, deputado estadual Flávio Bolsonaro, método que se repetia no gabinete do vereador Carlos Bolsonaro. Tudo boa gente. Uma dinheirama poderosa, conta o delator, que garantiu que o presidente da República "sempre soube de tudo".

O ex-funcionário também revelou, e aí vem o mais grave para o patriarca machão, que madame traiu o marido com um bombeiro militar do Rio que fazia segurança para a família.

Que República!

(é de se perguntar como estariam os fiéis do bolsonarismo no grupinho do zap, caso no centro deste enredo estivesse a família Lula da Silva)

 


***

 

Timing
O senador Alessandro Vieira apresentou requerimento à CPI para ouvir madame.

Quem viver, verá.

 

***

 

Bolsonarismo é:
O ministro Alexandre de Moraes decretou a prisão de um caminhoneiro inflamado chamado Zé do Trovão. Motivo: o enchapelado Valdomiro das estradas vive a pregar o ódio nas redes sociais, conclamando a turma a comparecer ao ato do 7 de setembro.

A Polícia Federal diz que ainda não conseguiu encontrar o homem.

E ele continua desafiando o ministro Moraes em vídeos na internet.

 

***

 

Parada indigesta
Outro assunto da semana é o fatídico 7 de setembro. Está em todas as bocas.
Bolsonaro cismou que tem poder - com uma patota de caminhoneiros - para derrubar dois (!) ministros do STF.

E a turma dele acreditou.

A ver.

 

***

 

Bradesco
Um leitor foi à agência do Bradesco da Rua Marechal Deodoro, em Niterói, perguntar se o cartão de débito da conta do pai, que tem 90 anos, é lúcido, mas vive sobre uma cama, está pronto, para só assim pôr o velho em um táxi para ele próprio (o pai) pegar o documento e receber seus parcos vencimentos da aposentadoria.

O cartão antigo venceu e o Bradesco não enviou o novo para o endereço do aposentado. O banco dos que mais lucram no país certamente não deve ter um setor de assistência social que imagine que um homem de 90 anos deva ter muitos limites para ir pessoalmente à agência bancária (e por isso não manda o cartão para a residência dele), mas tem vendedores de empréstimos consignados que há muito lesam essa parcela da população.

Pois bem. O Bradesco informou ao filho do nonagenário que ele próprio – o velho – é que tem de ir à agência para saber se o cartão está pronto. Se não estiver, ele mesmo, o aposentado, tem de voltar pra casa, esperar o banco aprontar o documento, e retornar para busca-lo.

O leitor finaliza o e-mail perguntando: “que país é esse?”

E a Febraban, ó!

 

***


Mandetta no Rio
O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta vem construindo pontes de olho nas eleições do ano que vem. Nome dele tem sido testado pelo Democratas. Em sua visita ao Rio na última terça (31), uma de suas agendas foi com um grupo de apoiadores do ex-juiz Sergio Moro, turma essa que aos poucos vem crescendo na cidade, já tendo se reunido com parlamentares do Novo e dirigentes do PSDB. Mandetta e Moro se aproximaram no início da pandemia da covid-19 e mantêm diálogo.


***


Farmácia
O laboratório Vitamedic, responsável pela produção da Ivermectina, está obrigado, desde quinta-feira (2), por decisão judicial, a retirar de circulação, inclusive de redes sociais, qualquer propaganda sugerindo que o medicamento possa ser utilizado como tratamento precoce ou preventivo à covid-19.

 

***


'Agro é pop'
A agricultura e o uso da terra oferecem algumas das melhores soluções para mitigar a mudança do clima, inclusive o sequestro de carbono pelos solos, afirmou o Secretário de Agricultura dos Estados Unidos, Tom Vilsack, que falou aos seus pares do hemisfério na Conferência de Ministros da Agricultura das Américas 2021.

Na reunião, organizada pelo Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) e que teve como lema “Sistemas Agroalimentares Sustentáveis, Motor do Desenvolvimento das Américas”, Vilsack disse que, “para se alcançar a resiliência e a segurança alimentar global e reduzir o impacto da mudança do clima sobre as pessoas, é crucial que as vozes da agricultura estejam sentadas à mesa em que se desenha e implementa a ação climática”.

 

***


Cultura
Estão abertas as inscrições para o Programa Cultural 2021 das empresas Eletrobras. O total do investimento é de 9 milhões. Desse valor, a Eletrobras Furnas entrará com 5 milhões. Serão patrocinados projetos de quatro áreas da Lei Rouanet: artes cênicas (dança, teatro e teatro musical); patrimônio cultural material e imaterial; música (erudita e instrumental); e museus e memória. Projetos de todo o pais poderão se inscrever gratuitamente até o dia 17 de setembro. Aqui.


***


Haroldo Barbosa
Nome fundamental na história do rádio, da TV e da música no Brasil, Haroldo Barbosa é o tema do vídeo que o Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro disponibiliza em suas redes sociais a partir da segunda (6). Aqui.



***


Turismo
Fomentar o turismo fluminense. Com este objetivo o Governo do Estado publicou decreto que reduz o ICMS do querosene de aviação a 7% até o fim de 2035, para empresas que operam nos aeroportos do estado.


***


Arte
O MAM Rio lançará a 8ª edição do Clube de Colecionadores na próxima quarta (8), em seu estande na ArtRio. O novo conjunto apresenta quatro gravuras de Dalton Paula, Gê Viana, Paulo Nazareth e Rivane Neuenschwander, e conta com edição especial de Thiago Martins de Melo.


LANCE-LIVRE


*** Na próxima quinta (9) estreia o longa-metragem "A Cisterna", com Fernanda Vasconcellos, o ator chileno Cristobal Tápia Montt, Juan Alba, entre outros.
*** A Ambev está capitaneando uma campanha para arrecadar alimentos que serão distribuídos a famílias carentes. A expectativa é arrecadar 140 toneladas de comida. No Rio, a Marquês de Sapucaí e os supermercados Prezunic têm pontos de coleta;
*** 'Cura', novo espetáculo da Cia. de Dança Deborah Colker, vai estrear em live no Globoplay dia 25;
*** Em parceria com a subseção local da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), a Sociedade Médica de Sorocaba promove, em 17 e 18 de setembro, o 1º Congresso de Direito Médico. Inscrições aqui