Grosseiro, Bolsonaro diz 'caguei para a CPI'

Presidente que não irá responder à carta de CPI que cobra explicações sobre denúncias de irregularidades na compra da vacinas; no Twitter, faz sucesso a hashtag #BolsonaroCagão

Reprodução do Twitter
Credit...Reprodução do Twitter

Do Twitter - 'Caguei para CPI. Não vou responder nada’', declarou o presidente Jair Bolsonaro em live na noite desta quinta. Mais cedo, A cúpula da CPI da Covid enviou um ofício à presidência na qual cobra explicações sobre o depoimento dos irmãos Miranda à comissão. Eles afirmaram ter relatado as supostas irregularidades ao presidente na negociação pela vacina Covaxin. Segundo o deputado Luís Miranda, Bolsonaro atribuiu as irregularidades ao líder do governo na Câmara, o deputado Ricardo Barros (PP-PR).