Google repassou US$ 3 milhões desde 2019 para canais bolsonaristas alvos do TSE

Páginas receberam valores pela monetização do volume de visualizações no YouTube

Divulgação/TSE
Credit...Divulgação/TSE

O Google enviou um relatório ao TSE com o valor repassado desde 2019 aos canais bolsonaristas alvos da ordem de desmonetização do ministro Luís Felipe Salomão. As transferências da plataforma às páginas investigadas por disseminar fake news somaram US$ 3 milhões.

O documento foi enviado para a investigação de fake news e ataque às urnas. O total se refere a pagamentos feitos às páginas pelas visualizações que tiveram no YouTube, a chamada monetização.

Como mostrou o Painel, a conta judicial aberta pelo TSE após o bloqueio dos repasses já juntou R$ 500 mil desde o dia 16 de agosto. O montante iria para os canais, mas a decisão de Salomão suspendeu os pagamentos. (Folhapress)



Páginas receberam valores pela monetização do volume de visualizações no YouTube
Ministro Luis Felipe Salomão


Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais