MUNDO

Itália homenageará Senna nos 30 anos de sua morte

...

Por JB INTERNACIONAL
[email protected]

Publicado em 11/03/2024 às 20:43

Ayrton Senna CPDoc JB

A cidade de Ímola, na Itália, realizará a partir do próximo dia 21 de março uma vasta programação, incluindo exposições, eventos esportivos e shows, para celebrar os 30 anos das mortes dos ex-pilotos brasileiro Ayrton Senna e austríaco Roland Ratzenberger, que faleceram durante o fim de semana do Grande Prêmio de San Marino de 1994.

A iniciativa, batizada "Senna 30 anos", terá início no dia 21 de março, data do aniversário de Senna, com a inauguração de uma exposição fotográfica dividida em 94 fotos inéditas do ex-piloto brasileiro feitas por Angelo Orsi e Mirco Lazzari.

A vida de Ayrton e a vida de Roland Ratzenberger não caíram no esquecimento, a Fórmula 1 reagiu. Devemos lembrar de Ayrton pelo que ele deixou. Ele foi uma referência importante e ainda é depois de 30 anos", destacou Stefano Domenicali, CEO da Fórmula 1, falando remotamente na apresentação do calendário.

As comemorações culminarão no dia 1º de maio, aniversário da morte de Senna, com diversos momentos de recordação no autódromo de Ímola. Na data, às 14h17 (horário do acidente) haverá uma cerimônia na curva Tamburello.

O evento deve contar com a presença do vice-premiê da Itália e ministro das Relações Exteriores, Antonio Tajani, e de seu homólogo brasileiro, Mauro Vieira, que enviaram duas mensagens lidas durante a divulgação.

Bianca Senna, sobrinha de Ayrton e presidente do Instituto que leva seu nome, também participou da cerimônia desta segunda por meio de videoconferência. Além dela, também estiveram presentes o prefeito de Ímola, Marco Panieri, o governador da Emilia-Romagna, Stefano Bonaccini, o secretário do Esporte de San Marino, Teodoro Lonfernini, e Gian Carlo Minardi, presidente do Circuito de Ímola e grande amigo do campeão brasileiro.

"Há 30 anos eu estava no pit wall. Tinha meus dois pilotos na pista e as mensagens que chegavam eram tristes para um amigo. Quero lembrar do meu amigo, o homem Ayrton", afirmou Minardi.

A série de eventos será realizada pelo município italiano, em colaboração com a região de Emilia-Romagna, o Ministério das Relações Exteriores e o Instituto Ayrton Senna.

A pista de Ímola fez parte da Fórmula 1 entre 1980 e 2006, sob o nome de GP de San marino, e é muito lembrada por ter sediado um dos finais de semana mais trágicos da história da categoria: em 1994, o local foi o palco dos acidentes fatais dos pilotos Senna e Ratzenberger. (com Ansa).

Tags: