Islamitas queimam cópia da bandeira americana em Londres

Cinquenta militantes islamitas queimaram neste domingo uma folha de papel com o desenho da bandeira americana diante da embaixada dos Estados Unidos, em Londres, no momento das cerimônias do 10º aniversário dos atentados de 11 de Setembro de 2001, constatou um fotógrafo da AFP

Os manifestantes, que pertencem ao movimento "Muçulmanos contra as Cruzadas", também gritaram palavras de ordem antiamericanas, tais como "EUA terroristas".

Segundo testemunhas, eles desejavam perturbar o minuto de silêncio observado para marcar o momento no qual o primeiro dos aviões desviados pelos terroristas, no dia 11 de setembro de 2001, investiu contra uma das torres do World Trade Center em Nova York. 

A polícia chegou a se aproximar do grupo, mas não houve nenhum outro acidente maior, precisou o fotógrafo da AFP.