Nova Zelândia: 113 mortos e 200 desaparecidos em terremoto

O balanço de mortos pelo terremoto que devastou a cidade de Christchurch, na Nova Zelândia, supera uma centena, com mais de 200 pessoas desaparecidas, anunciaram fontes oficiais nesta sexta-feira.

"Temos 113 corpos no necrotério", afirmou Dave Cliff, comandante do distrito, aos jornalistas, dando um novo balanço de mortos do terremoto de terça-feira.

Pouco antes, um chefe policial tinha divulgado a cifra de 103 mortos e advertido que esse número poderia aumentar, já que continuavam recuperando corpos dos escombros causados pelo terremoto de 6,3 graus de magnitude que atingiu Christchurch.

Em declarações à emissora de televisão TVNZ, o comissário da polícia Russell Gibson disse que "nenhuma pessoa com vida foi resgatada e o balanço continua aumentando".