Morrem mais três soldados americanos no Iraque

Agência AFP

BAGDÁ - Três soldados americanos morreram nesta segunda-feira vítimas de um morteiro disparado a leste de Bagdá, anunciou o Exército dos Estados Unidos em um comunicado.

O ataque aconteceu por volta das 13h05, segundo o texto, que não dá mais detalhes.

As forças americanas e iraquianas combatem há quase um mês os milicianos xiitas no bairro de Sadr City, na parte nordeste da capital, bastião do movimento sadrista.

Com as três mortes desta segunda-feira, já são 18 os soldados americanos mortos em Bagdá desde o início dos enfrentamentos, que começaram em 25 de março na cidade de Basra (sul).

O número de soldados americanos mortos no Iraque no mês de abril chega a 41. Desde a invasão americana, em 2003, um total de 4.053 soldados americanos foram mortos no Iraque, segundo uma contagem da AFP baseada em dados do site independente icasualties.org.