Nove morrem e cinco desaparecem em explosão de mina chinesa

REUTERS

PEQUIM - Nove mineradores morreram e outros cinco desapareceram após uma explosão em uma mina ilegal de carvão na China, da qual despencaram cerca de 100 toneladas de carvão, disse a agência oficial Xinhua.

O acidente na mina em Zhangjiazhou, no centro da província de Hunan, aconteceu na noite de quarta-feira, quando 17 pessoas estavam trabalhando.

Três conseguiram escapar e quatro equipes de resgate buscavam ininterruptamente os outros sobreviventes.

A permissão para operar a mina expirou no ano passado e não estava usando equipamento de monitoramento de gás, porque ele parou de funcionar antes do acidente, de acordo com uma autoridade local, citada pela Xinhua.

Um desabamento no mesmo dia no centro da província de Henan matou uma pessoa e bloqueou a saída de cinco mineradores, disse a Xinhua.

O país tem lutado para melhorar o padrão das suas minas, mas os acidentes são comuns já que os seus proprietários estimulam a produção além dos limites de segurança para atender à forte demanda gerada pelo crescimento econômico do país.

O número de mortes em acidentes em minas chinesas caiu um quinto em 2007 em relação ao ano passado, embora 3.786 pessoas tenham morrido.