Dois palestinos morrem em explosão na Faixa de Gaza

Agência EFE

GAZA - Dois palestinos morreram e outros quatro ficaram feridos após uma explosão no sul da Faixa de Gaza, informaram fontes de segurança próximas ao Hamas.

A explosão atingiu na manhã desta quinta-feira uma instalação do braço armado do Hamas, as Brigadas de Ezedin al-Qassam, próxima a Khan Yunes e foi conseqüência de 'um acidente de trabalho', disseram as fontes.

Por 'acidente de trabalho' se entende a explosão acidental de uma bomba quando é manipulada por milicianos.

Testemunhas e fontes médicas do hospital de Khan Yunes afirmaram anteriormente que a morte foi produto do lançamento de um foguete pelo Exército israelense, o que um porta-voz militar israelense desmentiu em declarações à Agência Efe.

Na manhã desta quinta-feira também morreu um agricultor palestino de 65 anos nas proximidades da fronteira entre Gaza e Israel quando seguia para sua fazenda montado em um burro e foi atingido pelos tiros de soldados israelenses posicionados perto da cerca fronteiriça, disseram fontes hospitalares locais.

Um porta-voz militar israelense afirmou que, 'por enquanto, não há informações' sobre este último episódio.