China protesta contra visita do Dalai Lama ao Canadá

Agência AFP

PEQUIM - Pequim advertiu o primeiro-ministro canadense Stephen Harper que ele se arrisca a danificar as relações entre os dois países ao se reunir nesta segunda-feira com o Dalai Lama, informou um jornal local.

O encontro desta segunda-feira será o primeiro que um premier canadense terá oficialmente com o exilado líder espiritual tibetano.

Em um comunicado publicado pelo jornal Globe and Mail, o ministro das Relações Exteriores da China disse que protestou reiteradamente contra a visita do Dalai Lama ao Canadá, denunciando-o como um líder separatista.

O Dalai Lama chegou ao Canadá no domingo e se reunirá na tarde desta segunda-feira com Harper no Parlamento.