Reino Unido defende sistema eleitoral do Brasil e diz que Londres reconhecerá o escolhido pela nação

Embaixada do Reino Unido em Brasília emitiu nota comentando as eleições no Brasil neste ano, e rebateu Bolsonaro afirmando que acredita na eficiência do sistema de urnas eletrônicas

Hannah Mckay/EPA
Credit...Hannah Mckay/EPA

Após os EUA se posicionarem e dizerem que confiam no processo eleitoral brasileiro, nessa quinta-feira (21) foi a vez do Reino Unido emitir declarações sobre o pleito a ser realizado no Brasil este ano.

"Acreditamos na força da democracia do Brasil, que conta com instituições sólidas e transparentes. Em eleições passadas, o sistema eleitoral e as urnas eletrônicas se mostraram seguros e passaram a ser reconhecidos internacionalmente por sua celeridade e eficiência", diz o comunicado da embaixada britânica no Brasil.

Ao mesmo tempo, a chancelaria britânica confirmou: "reafirmamos nossa confiança no bom funcionamento do processo democrático do Brasil e esperamos que todo o país esteja comprometido com o respeito à democracia por meio de eleições livres e justas".

Por fim, o texto dá um recado claro de que o vitorioso nas urnas terá reconhecimento de Londres: "Quem for escolhido pela nação brasileira poderá contar com o governo britânico para fortalecer as relações bilaterais e a amizade entre os dois povos."

Na quarta-feira (20), Washington também emitiu uma nota declarando que as eleições no Brasil "são um modelo" para o mundo. (com agência Sputnik Brasil)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais