Crise migratória na fronteira Belarus-Polônia pode ser causa de guerra com Rússia, diz Bloomberg

Colunista da Bloomberg escreve que a situação na fronteira pode ficar "muito ruim", levar à morte de migrantes e até a uma guerra com envolvimento da Rússia e Otan

Foto: Sputnik
Credit...Foto: Sputnik

A crise migratória na fronteira entre Belarus e a Polônia pode se tornar causa de um conflito armado com a participação da Rússia, de acordo com um artigo do colunista Andreas Kluth na Bloomberg.

Kluth sugere que Moscou e Minsk podem optar pela escalada do conflito "se quiserem".

O colunista disse que, se houver um tiroteio entre os guardas de fronteira poloneses e belarussos, os dois países terão que pedir ajuda a seus aliados.

O colunista concluiu que os Estados Unidos, a Otan, a União Europeia e seus aliados devem convencer a Rússia a "não subir a parada".

Neste verão europeu, na fronteira entre Belarus e a Polônia aumentou o fluxo de migrantes provenientes do Oriente Médio e Norte da África que tentam entrar na União Europeia. A situação se agravou em 8 de novembro, quando cerca de 2.000 refugiados se concentraram na fronteira com a Polônia do lado belarusso.

Eles tentaram várias vezes atravessar a cerca fronteiriça, mas suas tentativas foram frustradas por guardas poloneses, inclusive com granadas de atordoamento, canhões d'água e gás lacrimogêneo.

O Ocidente responsabiliza Minsk pela situação, mas Belarus nega todas as acusações, afirmando que é a Polônia que não respeita os direitos destes refugiados, nem os direitos humanos em geral. (com agência Sputnik Brasil)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais