Jornal do Brasil

Internacional

Rainha consorte da Bélgica sofre derrame em Veneza

No entanto, Paola, esposa de Albert II, está consciente

Jornal do Brasil

A rainha consorte Paola, da Bélgica, de 81 anos, sofreu um derrame cerebral na noite desta terça-feira (25) em Veneza, na Itália. A esposa do rei Albert II, soberano que abdicou há cinco anos em nome de seu filho Philippe, foi internada no hospital SS.

Giovanni e Paolo devido a um distúrbio neurológico, mas seu estado não é grave.

A rainha passou por diversos problemas de saúde nos últimos anos. Durante férias na Itália em 2015, ela tivera uma arritmia cardíaca. Já em 2016, teve uma fratura vertebral, e, em 2017, quebrou o quadril. Paola, que é italiana de nascimento, estava em Veneza para uma visita particular, quando sentiu mal-estar, preocupando as pessoas que estavam com ela. No entanto, se manteve consciente em todos os momentos.

"Depois de um problema de saúde, vossa majestade rainha Paola será repatriada à Bélgica durante o dia para ser submetida a exames médicos", comunicou o Palácio Real da Bélgica.

A rainha voltará em um avião da Defesa, e não em uma aeronave médica, mostrando que seu estado não é crítico. A soberana será examinada por seus médicos de confiança, que farão o diagnóstico final e decidirão que tratamento adotar. Paola está consciente, fala e caminha normalmente.



Recomendadas para você