Jornal do Brasil

Internacional

Carro atropela multidão na China e mata onze pessoas

Jornal do Brasil

Uma caminhonete atropelou deliberadamente na quarta-feira à noite uma multidão na cidade de Hengdong, no centro da China, deixando onze mortos e 44 feridos, segundo novo balanço fornecido pelas autoridades locais.

O incidente ocorreu às 19H35 local (08H35 Brasília), na praça central da cidade da província de Hunan.

A polícia deteve o motorista da caminhonete, que segundo o jornal Pequim News foi identificado como Yang Zanyun, nascido em Hengdong em 1964 e detido em várias ocasiões por roubo, uso de drogas e agressões.

Trata-se de um reincidente, indicou a polícia local em um comunicado nesta quinta-feira. "Ele lançou o veículo contra a multidão na noite passada. Carregava pás e facas para atacar as pessoas, com a intenção de causar sérios danos".

Em algumas imagens que circulavam nesta quinta-feira nas redes sociais podia se ver a caminhonete com o pára-choque destruído. Os vídeos do crime foram rapidamente censurados.

Dois turistas morreram em 2013 em um atentado com carro-bomba em Pequim, sob o famoso retrato de Mao na Praça Tiananmen.

A ação foi atribuída pelas autoridades aos separatistas uigures, um grupo étnico muçulmano da região de Xinjiang (noroeste). As três pessoas que estavam no veículo perderam a vida.

dly-bar/cn/gm-ra/mb/mr



Recomendadas para você