Jean Wyllys faz bancada evangélica retirar projeto de lei da Câmara

Revoltados com o avanço das políticas de inclusão de homossexuais na Câmara, os deputados evangélicos conceberam o Projeto de Lei 377/2011, que pede proteção especial do Estado à família. 

Estava tudo acertado para levar o projeto à votação, mas Jean Wyllys (PSOL-RJ) convenceu os autores da proposta a voltarem atrás. Ele apontou que o texto da proposta viola o artigo 5º da Constituição. 

Bate-volta

Assinado pelos deputados Marcelo Aguiar (PSC), Lauriete (PSC) e Acelino Popó (PRB), o projeto será reformulado para continuar atendendo aos apelos cristãos, mas sem ferir a Constituição. No texto original, os parlamentares justificavam a medida dizendo não ser possível "admitir-se que os valores familiares, consolidados ao longo de gerações, sejam desprezados pelos responsáveis pela ação governamental". 

Confira aqui a íntegra do projeto.