Fifa mostra preocupação com obras no Maracanã

Apesar de ter sido confirmado na segunda-feira como palco da abertura da Copa do Mundo de 2014, o Maracanã tem sido objeto de preocupação da Fifa e do COL (Comitê Organizador Local), segundo informações publicadas pelo jornal Folha de S. Paulo

Inicialmente previsto para ficar pronto ao final de 2012, prazo que daria tranquilidade para o estádio receber a Copa das Confederações - em junho do ano seguinte -, por causa das greves de operários o governador Sérgio Cabral postergou a data de entrega do espaço apenas para fevereiro de 2013.

Mas a própria entidade, que estipula o mês de abril como limite para a conclusão das arenas aptas a receber o torneio pré-Copa, não está certa do cumprimento do novo prazo, e classificou a situação do estádio carioca, escolhido para o evento por ser um ícone do esporte, com "luz amarela". 

Ainda assim, existem cidades pior avaliadas. Porto Alegre e Curitiba, por exemplo, ainda sequer definiram todas as suas fontes de financiamento. Mesmo com Belo Horizonte, Brasília e Fortaleza, as mais elogiadas pela Fifa, com obras adiantadas, a previsão é de que apenas sete das nove arenas da Copa fiquem prontas até o prazo final. De todo modo, a Copa ocorrerá sim nos locais já previamente anunciados pela Fifa, uma vez que não há uma segunda opção para eles.