Tênis: Djokovic vence Mayer, vai à semi em Dubai e segue invicto em 2011

O sérvio Novak Djokovic segue em boa fase. Contra o alemão Florian Mayer (38° do mundo), o número 3 da ATP conseguiu sua décima vitória seguida no ano, parciais de 7/5 e 6/1, e se classificou para a semifinal do ATP 500 de Dubai, torneio do qual é atual bicampeão. O tenista ainda não foi derrotado em 2011.

Contra Mayer, o tenista venceu em sets diretos, mas não foi dominante durante todo o jogo. No primeiro set, Djokovic teve seu saque quebrado logo no primeiro game. Apático, o tenista demorou a engrenar e ficou quase toda a primeira parte do jogo em desvantagem.

A partir do meio do primeiro set, porém, a apatia deu lugar ao entusiasmo e Djokovic gradativamente retomou o domínio dos pontos.

No décimo game, quando Mayer sacava para a vitória no set, Djokovic se aproveitou de hesitações do alemão para vencer o game de serviço do adversário, sem perder pontos, e empatar a partida.

Os dois games seguintes à quebra seguiram com vantagem para Djokovic que, depois de confirmar seu serviço, voltou a quebrar o serviço de Mayer para fechar o set inaugural.

Uma vez derrotado no primeiro set, Mayer perdeu suas forças e parou de lutar, tendo seu serviço quebrado logo no quarto game da segunda parcial.

No restante da partida, a maior competitividade de Djokovic ficou evidente e o jogador mais bem ranqueado venceu todos os games até o final da partida.

Terminado o jogo, as estatísticas mostravam grande vantagem para o número três do mundo, principalmente em pontos vencidos: foram 72 a 47 para o sérvio.

Na próxima rodada, o cabeça de chave número 2 do torneio (Federer é o principal favorito) enfrenta o checo Tomas Berdych, cabeça número 3.

Berdych e Djokovic protagonizaram importantes confrontos recentemente. O checo eliminou Djokovic em Wimbledon, em 2010, ao passo que o sérvio deu o troco no Aberto da Austrália desta temporada.