Com princípio de acordo, Roberto Carlos viaja à Rússia nesta semana

 

O lateral esquerdo Roberto Carlos, que na última semana anunciou seu desligamento do Corinthians, está indo para o Anzhi Makhachkala, da Rússia, segundo relatos da imprensa local divulgados pela Agência Ansa.

O Anzhi, que chegou na temporada passada à elite do futebol russo, pagaria 5 milhões de euros (R$ 11,2 milhões) por ano, num contrato bianual, a Roberto Carlos, campeão mundial em 2002 e vencedor de três Ligas dos Campeões pelo Real Madrid.

Fontes do país europeu dizem que o novo proprietário do clube, o multimilionário Suleyman Kerimov, um dos homens mais ricos do país, com uma fortuna avaliada em US$ 14,5 milhões (quase R$ 25 milhões), pagaria até 6,5 milhões de euros (R$ 14,6 mi) ao lateral.

Roberto Carlos afirmou, no entanto, que não foi o dinheiro que motivou sua transferência. "Vou para a Rússia com um grande interesse. O dinheiro não foi decisivo na hora de decidir continuar minha carreira na Rússia", disse o jogador.

"Temos um princípio de acordo e, se tudo sair bem, Roberto Carlos viajará entre quarta e quinta-feira para a Rússia", acrescentou Fabiano Farah, empresário do jogador que também teria recebido uma oferta do Los Angeles Galaxy.