Ronaldinho: "Não prometo gol, mas a vontade é enorme"

Craque confessa que está ansioso para vestir oficialmente a camisa do Fla pela primeira vez

RIO - Aos poucos, Ronaldinho vai se acostumando à rotina do Flamengo e o Flamengo vai se acostumando a ter Ronaldinho. Às vésperas da estreia oficial pelo rubro-negro, o novo camisa 10 da Gávea treinou muito bem e concedeu entrevista coletiva no Ninho do Urubu. Nesta segunda-feira, o craque falou sobre a adaptação ao Rio de Janeiro, a expectativa pelo primeiro jogo e a ansiedade pelo contato com o Engenhão lotado.

Com os ingressos já esgotados para o jogão, Ronaldinho agradece o apoio dos rubro-negros e promete se empenhar muito para agradar. Seja com dribles, com passes ou com assistências, que são seu principal objetivo.

"Estou muito feliz pela maneira como fui recebido pelos torcedores. Quero ajudar muito o time, retribuir o carinho e fazer o máximo possível nessa estreia. Todo jogador sonha em retornar ao Brasil, ainda mais dessa forma. Não prometo gol, mas a vontade de marcar é enorme. Minha preocupação maior, no entanto, é dar passes para os atacantes marcarem", afirmou o apoiador, que se disse bem preparado fisicamente para a primeira partida.

"Estou bem melhor hoje do que quando cheguei. A evolução é natural. Me senti muito bem no treinamento de hoje, venho evoluindo durante a preparação e tomara que eu possa render bem", observou.

Ronaldinho não acredita em um jogo fácil. O jogador acha que a partida contra o Nova Iguaçu será complicada. Ciente de que o jogo será histórico, ele promete guardar a camisa da estreia como recordação em sua casa. "Sei que não vai ser fácil. Para mim e para o time. Estou me preparando para as dificuldades, mas quero muito me sair bem. Não penso em outra coisa senão jogar pelo Flamengo, para essa torcida maravilhosa. Com certeza vou guardar essa camisa. É a primeira de muitas e um momento que será especial com certeza", finalizou. 

 

Site do Fla