Colorados quebram gelo do Mundial e botam árabes para dançar

Torcida do Inter fez festa com a população local antes da estreia do time no Mundial

ABU DHABI - O Mundial de Clubes estava com o clima frio. Até a torcida colorada chegar em grande número para a partida semifinal do torneio contra o Mazembe, nesta terça-feira, às 14h (de Brasília), no Estádio Mohammed Bin Zayed, em Abu Dhabi.

Os torcedores, em grande maioria hospedados em Dubai, tomaram um pequeno pátio localizado em frente ao estádio. E conseguiram colocar um dos cantos da torcida no alto-falante, empolgando até os árabes que estavam no local.

A música, uma adaptação da canção 'Pelados em Santos', do grupo Mamonas Assassinas, estava no celular de um dos torcedores. Ele subiu ao palco, convenceu o responsável pelo som a tocar a música, e fez a alegria dos colorados.

A animação era grande mesmo sem a possibilidade de comprar uma cervejinha. É proibido nos Emirados Árabes o consumo de bebidas alcoólicas nas ruas.

A presença de cerca de 5 mil colorados em Abu Dhabi de certa forma quebra um pouco do gelo do Mundial. Até o momento, os estádios têm ficado longe de sua capacidade máxima em jogos que não empolgam os habitantes da cidade, em sua grande maioria alheios ao futebol.