Neymar está perto de se tornar maior goleador santista desde Pelé

O atacante Neymar está a apenas seis gols de igualar a marca de Serginho Chulapa, em 1983, e se tornar o maior artilheiro do Santos em uma única temporada desde Pelé. Com 39 tentos no ano, o camisa 11 tem mais três jogos em 2010, todos válidos pelo Campeonato Brasileiro, para alcançar a marca histórica.

Contudo, o jogador, 18 anos, precisa de apenas mais dois gols para superar os números de Giovanni, que fez 40 tentos em 1995, e três para ultrapassar Kléber Pereira, que balançou as redes 41 vezes em 2008, de acordo com o Centro de Memória e Estatísticas do clube.

Em contrapartida, Neymar já marcou mais gols do que todos os outros artilheiros santistas anuais desde Pelé, incluindo até a última temporada em que o ex-camisa 10 do Santos foi o goleador máximo do clube pela última vez, em 1974 (20 tentos).

Entretanto, se excluirmos a "era Pelé" da contagem (o tricampeão do mundo foi artilheiro do time alvinegro em 16 temporadas, de 1957 a 1974 - as exceções são 1966 e 1968, que tiveram como goleador Toninho Guerreiro), Neymar só não fez mais gols do que Feitiço (49 em 1931 e mais 48 em 1930) e Araken Patusca (53 tentos em 1927), ídolos do clube do litoral paulista na primeira metade do século passado.

Os próximos três jogos do atual camisa 11 do Santos serão também seus últimos em 2010. Primeiro, a equipe encara o Goiás, no domingo, às 19h30 (de Brasília) no Serra Dourada. Depois, enfrenta o Avaí, no dia 28, na Ressacada, e, posteriormente, confronta o Flamengo, no dia 5 de dezembro, na Vila Belmiro. Principal estrela do time, Neymar deve estar em campo em todos eles.

Confira abaixo os artilheiros santistas ano a ano:

1912 - Arnaldo - 2 

1913 - Paul - 7 

1914 - Arnaldo/Millon - 4

1915 - Ari Patusca - 16 

1916 - Ari Patusca - 14 

1917 - Ari Patusca - 23 

1918 - Ari Patusca - 32 

1919 - Haroldo - 14 

1920 - Castelhano - 14 

1921 - Constantino - 12 

1922 - Constantino - 12 

1923 - Constantino - 9 

1924 - Araken/Siriri - 19 

1925 - Araken Patusca - 22 

1926 - Araken Patusca - 25 

1927 - Araken Patusca - 53 

1928 - Araken Patusca - 19 

1929 - Feitiço - 39 

1930 - Feitiço - 48 

1931 - Feitiço - 49 

1932 - Feitiço - 13 

1933 - Vitor Gonçalves - 18

1934 - Mendes - 11 

1935 - Saci - 14 

1936 - Raul - 36 

1937 - Gradim - 19 

1938 - Gradim - 20

1939 - Raul - 22 

1940 - Molina/Raul -13

1941 - Carabina - 30 

1942 - Rui - 19 

1943 - Rui - 19 

1944 - Antoninho - 12

1945 - Jorginho - 17 

1946 - Caxambu - 26

1947 - Adolfrises - 16 

1948 - Odair - 20 

1949 - Odair - 20 

1950 - Odair - 25 

1951 - Odair - 36 

1952 - Nicácio - 16 

1953 - Vasconcelos - 25 

1954 - Vasconcelos - 25 

1955 - Del Vecchio - 38 

1956 - Pagão - 34 

1957 - Pelé - 57 

1958 - Pelé - 80 

1959 - Pelé - 100 

1960 - Pelé - 61 

1961 - Pelé - 110 

1962 - Pelé - 62 

1963 - Pelé - 67 

1964 - Pelé - 58 

1965 - Pelé - 96 

1966 - Toninho Guerreiro - 60 

1967 - Pelé - 55 

1968 - Toninho Guerreiro - 76 

1969 - Pelé - 57 

1970 - Pelé - 47 

1971 - Pelé - 29 

1972 - Pelé - 50 

1973 - Pelé - 52 

1974 - Pelé - 20 

1975 - Cláudio Adão - 29

1976 - Toinzinho - 9 

1977 - Juary - 22 

1978 - Juary - 33

1979 - Juary - 38 

1980 - R. Feijão/N. Batata - 16

1981 - João Paulo - 19 

1982 - João Paulo - 16 

1983 - Serginho Chulapa - 45

1984 - Serginho Chulapa - 29 

1985 - Lima - 23 

1986 - Serginho Chulapa - 23

1987 - Mendonça - 15 

1988 - Mendonça - 15 

1989 - Juninho/Sócrates - 11

1990 - Paulinho Mclaren - 13 

1991 - Paulinho Mclaren - 23 

1992 - Guga - 20 

1993 - Guga - 30 

1994 - Guga - 25 

1995 - Giovanni - 40 

1996 - Giovanni - 25 

1997 - Macedo - 18 

1998 - Viola - 34 

1999 - Viola - 18 

2000 - Dodô - 27 

2001 - Dodô - 14 

2002 - Diego - 13 

2003 - Ricardo Oliveira - 20 

2004 - Robinho - 32 

2005 - Robinho - 24 

2006 - Reinaldo - 11 

2007 - Marcos Aurélio - 18 

2008 - Kléber Pereira - 41 

2009 - Kléber Pereira - 24 

2010 - Neymar - 39