Punido, Partizan é eliminado da Copa da Uefa

Agência EFE

RIO - O Partizan Belgrado, que havia se classificado para a segunda rodada de classificação para a Copa da Uefa, foi desqualificado da competição pelos incidentes protagonizados por seus torcedores na partida de ida da primeira rodada, contra o Zrinjski, na Bósnia-Herzegovina.

A Uefa já havia punido o Partizan após a partida de ida, com a expulsão do torneio continental e uma multa de 30 mil euros. No entanto, a equipe sérvia recorreu da punição perante o Tribunal de Apelação da Uefa, e obteve o direito de disputar a partida de volta, em Belgrado, na semana passada.

A Justiça, no entanto, decidiu nesta terça-feira refutar o recurso do Partizan, desqualificando a equipe da competição, apesar de ter se classificado para a próxima rodada.

A partida de ida, disputada na Bósnia-Herzegovina, foi vencida pelo Partizan por 6 a 1, mas teve que ser suspensa durante 10 minutos, por causa de uma briga nas arquibancadas entre torcedores da equipe sérvia e a Polícia local. O comportamento violento por parte da torcida provocou a sanção da Uefa.

Desta forma, o Zrinjski passa à segunda rodada das classificatórias para a Copa da Uefa, na qual enfrentará o Rabotnicki, da Macedônia.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais