Técnico da Inter diz que seus jogadores ficaram nervosos

Agência EFE

ROMA - Roberto Mancini, técnico da Inter de Milão, disse que seus jogadores ficaram nervosos na derrota desta quarta-feira para a Roma por 3 a 1, resultado que impediu a equipe de conquistar o bicampeonato italiano.

- Todos dão este campeonato por encerrado, é verdade. Mas na hora que você está a ponto de conseguir o objetivo, entra um pouco de medo - disse Mancini ao final da partida.

Mancini reconheceu que a Inter esperava encerrar o campeonato invicta, mas avisou: 'Adiar a festa não é nenhum problema'.

- Assim como no caso do tenista que disputa os últimos pontos da partida, há um certo temor no final. Hoje no primeiro tempo o Roma foi decididamente melhor, depois jogamos muito bem - disse o técnico.

Luciano Spalleti, treinador da Roma, acha justo que a Inter seja campeã por tudo o que fez durante a temporada.

- Foi uma partida intensa, indefinida até o final - disse.

Já o atacante Francesco Totti, capitão da Roma e autor do segundo gol, se mostrou feliz pela vitória.

- O resultado mostra que somos uma grande equipe. Tinham nos dado como mortos após a goleada de 7 a 1 em Manchester, mas viemos a Milão sabendo que podíamos bater a Inter e conseguimos - afirmou Totti, que sofre problemas físicos há cerca de um mês.