Fluminense marca no fim e vence o Sport pela 30º rodada do Brasileirão

No Maracanã, zagueiro David Braz marca aos 50 minutos e define triunfo do Tricolor por 1 a 0 sobre o Leão, neste sábado (6)

Foto: Jorge Rodrigues/Agif/CBF
Credit...Foto: Jorge Rodrigues/Agif/CBF

Com gol no apagar das luzes, o Fluminense venceu pela 30ª rodada do Brasileirão Assaí. O Tricolor bateu o Sport por 1 a 0, gol marcado por David Braz, aos 50 minutos da segunda etapa, em duelo realizado neste sábado (6), no Maracanã, na cidade do Rio de Janeiro.

Na classificação, o Flu soma 42 pontos e está em oitavo. O Sport está em 17º, com 30 pontos conquistados.

 

O jogo

O Fluminense teve o domínio territorial da primeira etapa. Terminou com posse de bola superior e mais que o dobro de finalizações. A primeira chance tricolor foi aos 18, quando Martinelli pegou a sobra de bola, encheu o pé, mas o chute saiu por cima. Já na altura dos 26, John Kennedy recuperou a bola no ataque, serviu Fred, que finalizou de letra, mas foi bloqueado pela defesa rubro-negra.

O Sport teve sua grande chance aos 29, quando Hernanes chutou de canhota, da entrada da área, mas a bola saiu sobre a meta, próxima ao travessão. Na marca dos 38, John Kennedy recebeu o passe na área, soltou um foguete, mas a bola subiu demais.

No segundo tempo, a intensidade do jogo aumentou consideravelmente. Logo aos três minutos, Cazares arriscou a finalização de fora e levou perigo. O Leão respondeu aos oito, em chute de Ewerthon, que desviou em Marlon e saiu sobre o gol tricolor. Aos 13, Sander chutou de canhota e Marcos Felipe operou grande defesa.

Na altura dos 19, foi a vez de Maílson salvar a finalização de John Kennedy. Já aos 27, Luiz Henrique recebeu o cruzamento na segunda trave, desviou de primeira e a bola explodiu na trave pernambucana. O Flu seguiu pressionando e o Sport tentando ameaçar nas transições rápidas.

A partida parecia se encaminhar para um empate sem gols, até que aos 50 minutos, Marlon recebeu na esquerda, cruzou na cabeça de David Braz, que tocou com estilo, a bola bateu na trave esquerda e morreu no outro canto, para abrir e definir o placar. (com Ascom CBF)

 

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais