Flamengo vira diante do Palmeiras e vence confronto direto pela busca do título do Brasileiro

Pela 20ª rodada da competição, Rubro-Negro derrotou o Verdão por 3 a 1, com dois gols de Michael e um de Pedro – Wesley abriu o placar para o time da casa

Foto: Marcello Zambrana/Agif/CBF
Credit...Foto: Marcello Zambrana/Agif/CBF

Neste domingo (12), Palmeiras e Flamengo se enfrentaram em um confronto direto pelas primeiras posições da tabela do Brasileirão Assaí. Pela 20ª rodada da competição, o Rubro-Negro levou a melhor no Allianz Parque e venceu por 3 a 1, de virada.

Com o resultado, o Fla subiu para o terceiro lugar da Série A, com 34 pontos. O Verdão tem 35 e permanece na segunda posição.

O jogo

Um gol para cada lado no primeiro tempo da partida entre Palmeiras e Flamengo, no Allianz Parque. Após um início movimentado, com os dois times se lançando ao ataque, o Verdão saiu na frente aos 14 minutos. Em jogada iniciada por Weverton, Dudu recebeu e abriu para Wesley pela direita. O atacante passou pelos marcadores, puxou para o meio e chutou colocado para marcar um belo gol: 1 a 0. O Rubro-Negro respondeu rapidamente e deixou tudo igual no lance seguinte. Everton Ribeiro recebeu de Pedro na direita e cruzou na medida para Michael, na segunda trave, cabecear no contrapé do goleiro alviverde: 1 a 1. O equilíbrio prevaleceu na sequência da etapa inicial do confronto, que seguiu empatado até a saída para o intervalo.

No segundo tempo, o Palmeiras voltou com mais volume de jogo, mas sem conseguir criar chances claras de gol. E o Flamengo soube aproveitar bem a primeira chegada. Aos 11 minutos, Vitinho cobrou escanteio da direita, e Pedro subiu mais que todo mundo para acertar um cabeceio no canto de Weverton. Em vantagem, o Fla passou a apostar em contra-ataques, enquanto o Verdão seguiu com mais posse de bola e sem levar perigos. Até que, aos 35, Vitinho puxou contra-ataque com Michael pela direita. O camisa 19 se livrou de Marcos Rocha e ficou cara a cara com o goleiro adversário antes de encher o pé e mandar para o fundo das redes: 3 a 1.(com Ascom CBF)