Na chegada, Marta diz que ser alvo no debate pode ser positivo

Vagner Magalhães, Portal Terra

S O PAULO - Perguntada se temia ser alvo dos adversários no debate Estadão/Gazeta após a desistência do candidato ao Senado pelo PCdoB, Netinho de Paula, a ex-prefeita de São Paulo Marta Suplicy (PT) disse que isso seria positivo "porque poderá falar mais".

"Eu gosto de debate, discutir ideias para que cada eleitor possa formar a sua opinião. Se eu for alvo é bom porque posso falar mais. Tenho vontade de conversar sobre o meu Estado e ver o que os outros têm. Vão sair dois senadores e quero ser parceira de quem for eleito. A oposição e situação devem trabalhar juntas", disse a petista.