Ibovespa recua pelo 3º dia com Vale e bolsas dos EUA

S O PAULO, 23 de agosto de 2010 - A BM&FBovespa iniciou a primeira sessão da semana no vermelho. A ausência de notícias relevantes no âmbito externo e o recuo das ações da Vale contribuíram para o terceiro dia consecutivo de queda do Ibovespa. No fim do pregão, o índice acionário caiu 1,04%, aos 65.981 pontos. O giro financeiro da bolsa fechou em R$ 4,113 bilhões.

Para Adriano Moreno, estrategista da Futura Investimentos, o dia de agenda fraca na pauta econômica norte-americana fez com que as bolsas de valores da região não conseguissem manter-se em terreno positivo, pesando sobre o Ibovespa."Hoje não teve nada relevante", pontuou.

O único indicador dos Estados Unidos divulgado não teve peso o suficiente para alterar o humor dos agentes. Isso porque o índice da atividade manufatureira de Chicago retornou à sua média histórica de zero em julho, ante -0,70 ponto em junho.

No lado das empresas, a seguradora norte-americana American International Group (AIG) informou que vai reembolsar cerca de US$ 4 bilhões ao Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Nova York graças aos fundos captados por sua filial de arrendamento de aviões ILFC, reduzindo sua dívida em mais de US$ 15 bilhões.

De acordo com relatório da ON Investimentos, as preocupações são de que a recuperação econômica dos Estados Unidos perca o vigor nesses próximos meses. "Os temores de que a principal economia do mundo fique mais fraca são o suficiente para despertar a aversão ao risco nos investidores".

Internamente, destaque para o comportamento das ações da Vale (PNA), que ao final dos negócios desceram 2,42%. "Os investidores não receberam bem à informação de que a mineradora estaria interessada em participar do processo de consolidação do setor de fertilizantes", acrescentou Adriano Moreno, estrategista da Futura Investimentos.

Já os papéis da Petrobras (PN) ensaiaram recuperação durante a sessão, mas acabaram em leve queda (-0,44%). Segundo Danilo Cocchia, sócio da ON Investimentos, o desempenho das ações refletem as expectativas quanto ao processo de capitalização. "O pessoal está vendendo outros papéis para comprar Petrobras", ressaltou. Já Adriano Moreno ponderou: "Estamos no aguardo desta novela, tomara que realmente termine em setembro".

(Déborah Costa - Agência IN)