Coreanos querem investir em infraestrutura no Brasil

S O PAULO, 23 de agosto de 2010 - O Brasil vem sendo reconhecido internacionalmente como um dos principais pólos de investimentos para o mercado de infraestrutura. Por esse motivo, a Associação Coreana de Fabricantes de Equipamentos de Construção (Korea Construction Equipment Manufacturers Association - KOCEMA), com o apoio da Associação Brasileira de Tecnologia para Equipamentos e Manutenção (SOBRATEMA), promoverá, amanhã (24), uma reunião entre empresários coreanos do segmento de construção e executivos brasileiros a fim de gerar oportunidades de negócios bilaterais.

Segundo dados da SOBRATEMA, o Brasil sofreu retração de 28% nas vendas de equipamentos de linha amarela ano passado em comparação com o ano anterior devido à forte crise internacional. Para este ano, a expectativa é de crescimento em torno de 18% na comercialização de máquinas para o segmento.

A Coreia, de acordo com a KOCEMA, também deverá apresentar bons números no segmento, com alta de 7,8% na demanda de máquinas de construção, passando de 19.721 unidades para 21.159 equipamentos vendidos no mercado interno.

(Redação - Agência IN)