Aumenta acesso de classes mais baixas a celulares

SÃO PAULO, 27 de março de 2008 - Segundo levantamento da LatinPanel, 53% dos indivíduos das classes D e E já são proprietários de celulares no país. Esta parcela da população foi o que registrou maior incremento de número de possuidores na comparação com 2006.

No ano passado, 39% dos indivíduos deles possuíam celulares, ou seja, em um ano a penetração da telefonia móvel na base da pirâmide social brasileira avançou 14 pontos percentuais no período analisado.

Na classe classe C, também houve avanços e, no final de 2007, 70% dos indivíduos das classes D e E já possuíam ao menos um celular. Em 2006, o índice era de 59%. Na classe AB, por sua vez, o índice de penetração ficou em 84%.

(Redação - InvestNews)