Azeite Gallo cresce 40% e bate recorde em vendas

SÃO PAULO, 29 de outubro de 2007 - A marca portuguesa de azeites Gallo bateu recorde de vendas com a comercialização de mais de 3,4 milhões de litros durante os primeiros oito meses deste ano, índice que representa um crescimento de cerca de 40% em relação ao mesmo período do ano passado, que foi de 2,5 milhões. Com a performance, Gallo atingiu um market share de 22,3% (A/C Nielsen 2007) no mercado brasileiro e consolidou sua liderança na maioria das regiões do país.

A região da Grande São Paulo lidera o crescimento da marca com um volume registrado de 845 mil de litros vendidos, representando um aumento de 60% em relação a 2006 (537 mil).

A performance nas vendas foi também superior nas regiões Centro-Oeste e Sul, com destaque para Minas Gerais, Espírito Santo e Interior do Rio de Janeiro, região que aumentou as vendas em cerca de 50%.

Segundo a diretora-geral do Azeite Gallo no Brasil, Rita Bassi, este aumento é fruto de uma nova cultura que vem se formando nas mesas brasileiras em torno do consumo de azeite, visto seus benefícios tanto para a culinária quanto para a saúde.

Embora o Brasil responda por apenas 1% do consumo mundial de azeites, que gira em torno de 3 milhões de toneladas, o país figura como o mais importante mercado internacional da marca de azeites Gallo. Quanto ao balanço anual de vendas de 2006, a expectativa é que o setor tenha superado o índice de 2005, que movimentou R$ 700 milhões, correspondente a 30 milhões de litros.

(Redação - InvestNews)