Petrobras aplaude aprovação de contratos de petróleo na Bolívia

Agência EFE

LA PAZ - O presidente da filial da Petrobras na Bolívia, José Fernando de Freitas, aplaudiu nesta sexta-fera a aprovação parlamentar dos contratos de petróleo, mas disse que a empresa ainda não definiu se fará novos investimentos no país.

- Não garantimos ainda se vamos aumentar ou fazer novos investimentos na Bolívia,- afirmou José Fernando em um breve contato com jornalistas em La Paz, segundo a Agência Boliviana de Informação (ABI, estatal).

Fontes do Ministério de Hidrocarbonetos confirmaram à agência EFE que o executivo se reuniu hoje com o ministro Carlos Villegas, embora não tenham detalhado que temas foram abordados no encontro.

- A Petrobras garante que vai cumprir todos seus compromissos comerciais e contratuais com a Bolívia-, assegurou José Fernando ao término da reunião.

Sobre a aprovação dos 44 novos convênios, que aconteceu finalmente na quinta-feira em uma sessão conjunta do Senado e da Câmara dos Deputados, opinou que é - um grande passo para a normalização, a estabilização e para dar um pouco mais de tranqüilidade ao setor.

Os acordos foram assinados há quase seis meses entre o presidente da Bolívia, Evo Morales, e doze companhias estrangeiras, entre as quais está a Petrobras.