O que esperar da Black Friday?

.

Marcelo Camargo/Agência Brasil/EBC
Credit...Marcelo Camargo/Agência Brasil/EBC

Em novembro, os brasileiros já esperam pela Black Friday. Neste período, a expectativa é de encontrar promoções nos mais variados itens, desde eletrodomésticos e roupas a itens do lar.

Veja agora quais são as melhores dicas para aproveitar o momento sem sofrer prejuízos.

 

Compare os preços

"Se você realmente quer comprar um produto, faça compras e verifique todas as suas opções". Certifique-se também de ver se a loja virtual é oficial e está com endereço completo", disse Antônio Carlos Dias, especialista em marketing.

Outra dica é fazer uma lista dos itens que estão faltando ou que são necessários para o escritório em casa. "Avalie o que você precisa e depois compare os preços", disse ele.

Quanto aos eletrodomésticos, que frequentemente têm grandes promoções durante a Black Friday, é melhor esperar alguns dias antes de comprá-los porque pode haver ofertas ainda melhores na Cyber Monday (29 de novembro), afirmou o especialista. "não exagere nas compras".

 

Quem compra mais?

Black Friday marca o pontapé inicial da temporada de compras de Natal no Brasil, tradicionalmente o melhor momento para fazer grandes compras.

Os consumidores são confrontados com o desejo de comprar tudo em um dia porque as grandes marcas oferecem grandes descontos em seus produtos. Mas há maneiras de os consumidores poderem desfrutar da Black Friday sem sofrer perdas.

A tendência de comprar itens com grandes descontos será ainda mais intensa este ano, especialmente entre os millennials brasileiros, que acompanham de perto o que está acontecendo no exterior e geralmente gastam bem acima de suas possibilidades.

"Este ano vou tentar evitar completamente a Black Friday". A quantidade de economia não é proporcional às horas sacrificadas em longas filas, barulho constante e possível mau humor", disse Matheus Leal Ferreira, um advogado de 29 anos que mora em São Paulo.

Outra opção para aqueles que querem evitar as multidões do metrô na Black Friday é comprar on-line. De acordo com dados da e-bit, 63% dos consumidores devem fazer compras em sites de varejo durante os quatro dias entre 24 e 27 de novembro, a pesquisa da empresa encontrou.

"O segredo para ter melhores negócios é esperar até a Black Friday. Nesse dia quase todos os descontos estão disponíveis, mas os itens se esgotam muito rápido", disse Juliana Del Poso, uma empresária paulista de 28 anos.

 

Cuidados com compras desnecessárias

Para evitar compras desnecessárias, é importante fazer primeiro uma lista de necessidades e depois ter um orçamento que não exceda 20% da renda mensal.

 

Veja se o preço anunciado é, de fato, o que você vai pagar

Outro ponto a ser considerado ao comprar na Black Friday é o que acontece após a compra. "Antes de fazer qualquer tipo de pagamento on-line, verifique se não há custos ocultos no preço final", disse Antonio Carlos Dias. Por exemplo, algumas lojas e sites de comércio eletrônico não oferecem a entrega gratuita de itens grandes. Esse serviço normalmente tem um custo extra que não está incluído no preço inicial.

"A propaganda de preços diferentes em um único produto pode confundir os consumidores, especialmente quando não há nome ou foto para indicar qual deles é oficial", disse Antonio Carlos Dias. Talvez seja necessário verificar cada número de modelo disponível e compará-los com os preços regionais.

Se você realmente quiser comprar um produto, tenha em mente que ele pode até ser mais barato na Cyber Monday (29 de novembro). "Esperar por outra compra", disse ele. "Não ter tempo não significa comprar tudo de uma só vez", apontou Antônio Carlos Dias.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais