Ministro prevê conta de luz mais barata em 2015

-->As tarif as de ener gia elétri- ca podem ficar mais bar atas. Quem gar antiu f oi o ministr o de Minas e Ener gia, Már cio Zimmermmann. Mas isto só se- rá sentido no bolso do consu- midor , quando todo o i n v esti- mento financeir o feito em usi- nas hidr elétricas super ar o v a- lor aplicado . P ela pr e visão do ministr o , esta r edução na ta- rif a só de v erá acontecer a par- tir de 2015. – O modelo ener gético que adotamos é baseado na bus - ca pela modicidade dos pr e - ços. Em um pr az o maior , ten - derá a f a v or ecer a r edução das tarif as que começarão a cair a partir do momento em que as usinas f or em pagas – disse Zimmermann. Segundo o ministr o , a par - tir de 2015 di v er sas usinas estarão pagas, o que permi - tirá o funcionamento por quase dois séculos com pou - cos in v estimentos e a um cus - ta menor . “Essa é a r ealidade que o Br asil tem pela fr ente: uma per specti v a de custo baixo que é natur al par a quem tr a balha com f ontes r e - no váv eis” gar ante. P ar a Zimmermmann, uma das r azões pelas quais o Br a - sil tem uma alta taxa de ener - gia elétrica é o seu cr esci - mento , que e xige constantes in v estimentos no setor . – Só que o Br asil é dife - r ente de um país que não tem cr escimento ou que cr esce m uito pouco e que, por isso , não pr ecisa construir mais usinas– comenta o ministr o de Minas Ener gia.