A apneia do sono pode deixar você mais velho!

...

Foto: JB
Credit...Foto: JB

A apneia obstrutiva do sono é uma condição na qual o indivíduo sofre com obstruções da passagem de ar nas vias respiratórios enquanto dorme. Ela acontece em diferentes graus, e geralmente causa pequenos despertares ao longo da noite. Muitas vezes eles são tão sutis que não se percebe, mas no fim, prejudicam o sono e a saúde.

Mas existe um outro problema tão ou até mais grave nos casos de apneia. É que essa obstrução do ar gera também uma baixa oxigenação do cérebro enquanto se dorme, aumentando o risco de:

• Hipertensão

• Ataques cardíacos

• Derrames

• Diabetes

• E uma série de outras doenças crônicas do mundo moderno

Como se não bastasse tudo isso, pesquisadores da University of Missouri-Columbia encontraram um novo problema relacionado à apneia.

 

O envelhecimento precoce!

Sim, ter apneia do sono pode estar deixando você mais velho do que deveria. Esse dado assustador foi descoberto em um estudo que comparou indivíduos com e sem apneia. Eles fizeram exames de sangue que mediram sua aceleração de idade epigenética – ou seja, o quanto seu envelhecimento genético era diferente do envelhecimento real.

A primeira conclusão foi que as pessoas que sofriam com a apneia literalmente estavam envelhecendo mais rápido. Mas o estudo também tem boas notícias...

Alguns dos voluntários que sofriam de apneia passaram por um tratamento, utilizando um CPAP (aparelho que melhora a respiração e oxigenação durante o sono) durante 1 ano. Ao final desse tempo, eles fizeram novos exames, e concluiu-se que a aceleração do envelhecimento voltou a níveis normais.
Portanto, se você sofre com a apneia do sono, agora já sabe que ela também pode fazer você envelhecer antes do tempo... Mas que buscar uma solução para o problema pode lhe ajudar a fugir disso!

 

Outras dicas para dormir melhor

Além de controlar a apneia do sono, existem outros fatores que ajudam você a dormir melhor e ter os impactos positivos disso na saúde. Veja:

 

Melhore sua ecologia intestinal

Um estudo recente feito em animais mostrou que essa falta de oxigenação causada pela apneia prejudica a flora intestinal. Além disso, descobriu-se que um microbioma pobre interferia na qualidade do sono, podendo aumentar a sonolência durante o dia.

Portanto, consuma laticínios feitos de leite cru e alimentos fermentados para manter bactérias boas nos seus intestinos... E não se esqueça das fibras na alimentação, que mantêm essa flora saudável.

 

Durma de 7 a 9 horas por noite

Segundo estudos, essa é a quantidade de sono indicada para os adultos. Opte pela quantidade que lhe deixa mais bem disposto e descansado, mas tente se manter dentro dessa quantidade.

 

Durma no escuro

Luzes no ambiente, como TV ou celular, ou até uma cortina aberta, interferem na sua produção de melatonina, o hormônio do sono. Seu cérebro precisa de escuridão total para dormir bem. Evite também ficar em frente às telas pouco antes de dormir.

 

Vitaminas e minerais

A vitamina D aumenta as concentrações cerebrais de serotonina, precursor da melatonina. Já a vitamina B1 melhora a circulação cerebral, melhorando os padrões de sono. Dentre os minerais, o magnésio é importante, pois promove relaxamento.

Dormir bem é fundamental. Não se esqueça disso! Supersaúde!

 

 

_______

 

Referências bibliográficas:
•Experimental Neurology, Volume 334, 2020, 113439. DOI: 10.1016/j.expneurol.2020.113439.

•European Respiratory Journal, 2022; 2103042 DOI: 10.1183/13993003.03042-2021.

•Como a Flora Intestinal Influencia o seu Sono – www.DrRondo.com


Dr. Wilson Rondó Jr.
CRM RJ 52-0110159-5
Cirurgião Vascular de formação e Nutrólogo
Registro nº 058357

 

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais