NYFW: coerente e variada

vamos aplaudir a NYFW, que pertence agora ao IMG, integrante do grupo Endeavor, patrocinador de atletas e eventos esportivos que desde 2001 entrou no circuito da moda. E trouxe apoios variados, responsáveis pelas disputadas festas desta semana. Um dos lançamentos foi o carro elétrico iX da BMW

Foto: JB
Credit...Foto: JB

Nas mídias, há quem tenha definido a semana de moda de Nova York como “morna”. Discordo desta definição, porque é preciso coragem para voltar a ter plateias e acreditar em vendas pelo sucesso das novidades. Quem lembra a quantas andava a moda antes da pandemia? Já não era grande coisa, com crises desencadeadas pelas possibilidades de compras online vindas do Oriente e pela rapidez com que as grandes lojas atualizavam as tendências em versões baratas. O Covid piorou tudo, fechando negócios e parando produções e eventos.

Portanto, vamos aplaudir a NYFW, que pertence agora ao IMG, integrante do grupo Endeavor, patrocinador de atletas e eventos esportivos que desde 2001 entrou no circuito da moda. E trouxe apoios variados, responsáveis pelas disputadas festas desta semana. Um dos lançamentos foi o carro elétrico iX da BMW.

Macaque in the trees
Batsheva completou com meias tie dye e perucas a coleção com ares de década de 1950 (Foto: divulgação)

Quanto às modas, elas são variadas, aparentemente sem maiores preocupações com sustentabilidade. Há casos como o tie-dye, como uma sugestão de trabalhos artesanais, durante a pandemia. Não aposto nisto, tudo indica que as consumidoras querem ter o prazer de comprar tudo pronto. A Batsheva Haart ganhou muitos comentários por completar suas roupas com meias tie dye. E mais perucas imensas, lembrando a década de 1950, que quase batiam no teto do Serendipity, restaurante amado dos turistas, apesar do mau atendimento.

 

Macaque in the trees
Duas versões da alfaiataria de Helmut Lang, uma delas colorida pela blusa caindo em ponta assimétrica (Foto: divulgação)

 

Macaque in the trees
Duas versões da alfaiataria de Helmut Lang, uma delas colorida pela blusa caindo em ponta assimétrica (Foto: divulgação)

 

Seco, minimalista
Depois de um começo trabalhando com a alemã Jil Sander, aberto marca própria nos anos 1980 e de ter saído da direção de criação em 2005, o austríaco Helmut Lang virou a marca famosa pelo estilo minimalista, bem construída, com a alfaiataria em destaque nas propostas para o verão de 2022 no hemisfério norte. Para não dizer que é seco demais, pode haver um panejamento saindo por baixo da veste dos impecáveis ternos femininos. Obviamente pretos, como convém a um espírito minimalista.

Macaque in the trees
Estampa delicada, como flores borradas e o inesperado look branco e preto em Jason Wu (Foto: divulgação)

 

Macaque in the trees
Estampa delicada, como flores borradas e o inesperado look branco e preto em Jason Wu (Foto: divulgação)

 


Doce, estampado
Canadense oriundo de Taiwan, Jason Wu sempre traz um ar romântico para seus desfiles. As estampas não chegam a ser tie dye, mas lembram manchas e borrões em forma de flores nos vestidos longos ou curtos. No meio das cores e do romantismo há um inesperado look branco de bermuda com camisa preta. Afinal, vale garantir um acesso maior às consumidoras que ainda não frequentam festas aglomerantes.

Macaque in the trees
Um tom de verde pouco visto na semana e a inclusão da modelo plus, na californiana grife Rodarte (Foto: divulgação)

 

Macaque in the trees
Um tom de verde pouco visto na semana e a inclusão da modelo plus, na californiana grife Rodarte (Foto: divulgação)


Coerente, inclusiva
A Rodarte sempre foi a grife diferente das marcas do grupo de luxo americano. Há quem não curta as misturas das irmãs Laura e Kate Mulleavy, que seguem os caminhos californianos de independência na criação. Desta vez elas expressam este desapego das tendências com sobreposições de biquinis sobre vestidos, flores e quadriculados juntos, mais um tom de verde pouco visto na semana. Incluir uma modelo plus no elenco não é inédito, mas fez parte do desfile da Rodarte.

Macaque in the trees
O brilho da seda e do cetim transformado em peças do dia a dia de quem aposta no glamour do estilo de Tom Ford (Foto: divulgação)

 

Macaque in the trees
O brilho da seda e do cetim transformado em peças do dia a dia de quem aposta no glamour do estilo de Tom Ford (Foto: divulgação)

 

Macaque in the trees
O brilho da seda e do cetim transformado em peças do dia a dia de quem aposta no glamour do estilo de Tom Ford (Foto: divulgação)


Glamour e brilhos
Muita seda, cetim, materiais de toque macio e brilho colorido. Nem pensem que fossem roupas de alta costura, para galas e tapetes vermelhos. Claro que Tom Ford, o último a desfilar na noite de domingo, encerrando a NYFW, tinha que mudar o rumo destas matérias. Sedas e cetins apareceram em calças cargo, com tops curtos, muitos cordões dourados nos pescoços. Casacos longos atendem à atual mania destes comprimentos maiores. E para quem gostaria de vestir algo do texano que já criou para Gucci e St. Laurent, temos um agasalho pink com saia justa metalizada. Em se tratando de Tom Ford, é um look discreto...

Viram as diferenças de algumas grifes importantes no universo da moda americana? Além delas, celebraram a própria Nova York, ocupando ícones como o Empire State, o Serendipity, o Rockfeller Center, o Central Park. Moda é isto, invenção, atenção aos tempos e amor pelo que faz e onde vive.

 



Batsheva completou com meias tie dye e perucas a coleção com ares de década de 1950
IIesa Rodrigues
Duas versões da alfaiataria de Helmut Lang, uma delas colorida pela blusa caindo em ponta assimétrica
Duas versões da alfaiataria de Helmut Lang, uma delas colorida pela blusa caindo em ponta assimétrica
Estampa delicada, como flores borradas e o inesperado look branco e preto em Jason Wu
Estampa delicada, como flores borradas e o inesperado look branco e preto em Jason Wu
Um tom de verde pouco visto na semana e a inclusão da modelo plus, na californiana grife Rodarte
Um tom de verde pouco visto na semana e a inclusão da modelo plus, na californiana grife Rodarte
O brilho da seda e do cetim transformado em peças do dia a dia de quem aposta no glamour do estilo de Tom Ford
O brilho da seda e do cetim transformado em peças do dia a dia de quem aposta no glamour do estilo de Tom Ford
O brilho da seda e do cetim transformado em peças do dia a dia de quem aposta no glamour do estilo de Tom Ford