Jornal do Brasil

Hildegard Angel

Pela primeira vez, casal gay na pedra de clube da elite

Jornal do Brasil

Pela primeira vez, um clube da elite carioca recebe proposta de um casal de mulheres para ingresso em seu quadro social. Está afixada na pedra da sede do Jockey Club. Como proponente, a jornalista Lucília Helena Alves de Souza, que apresenta como cônjuge a advogada Mônica de Castro Frade. O título é oriundo do espólio de Arthur Bernardes Alves de Souza, de muito ilustre família.

Macaque in the trees
Pela primeira vez, casal gay na pedra de clube da elite (Foto: Reprodução)

A posição do Conselho que analisa as propostas de sócios do Jockey vai ser determinante de muitas coisas. Inclusive de a iniciativa ser copiada por outros casais gays, femininos ou masculinos, em outros clubes cariocas, como os fechadíssimos Gávea Golf e o Country Club. Louve-se a coragem pioneira desse casal de mulheres!

VAI PRA CUBA!

Ih, gente, a CBF está indo pra Cuba! A Confederação Brasileira de Futebol e a Associação de Futebol de Cuba (AFC) firmaram convênio de cooperação, apoiado pela Fifa, para o desenvolvimento do futebol no país caribenho. A assinatura do acordo foi em um hotel em Havana. O objetivo é aprimorar o futebol cubano na capacitação de seus atletas e na arbitragem. E agora? Para onde os coxinhas vão mandar quem não pensa como eles?

FOGO AMIGO

Ontem, contei que o candidato a deputado federal do PSDB-RJ, economista Aurélio Valporto, acusou “a máfia” de seu partido de usar os recursos do povo (o fundo partidário) para se reeleger e “impedir que o Congresso se renove com gente decente”. Quem fez uma denúncia na mesma linha foi Renatta Marinho, do PSD, que acusou o candidato a governador Indio da Costa de não transferir corretamente o repasse de 30% do fundo partidário para as mulheres da legenda. Em um post em seu Facebook, a candidata a deputada estadual divulgou mensagem que enviou a Indio no zap: “Você é um hipócrita, mentiroso e comedor de verbas. Judas.”

BARRACO AO VIVO

Papelão dos jornalistas Felippe Facincani e Fábio Sormani, que quase se pegaram na sexta-feira durante o programa Fox Sports Rádio, o que só não ocorreu graças à pronta intervenção do apresentador Benjamin Back. O motivo do micão ao vivo foi a final da Copa de 1982.

PAPA ALOYSIO

O ministro Aloysio Nunes Ferreira, das relações Exteriores, tem agido com um rigor digno do Papa Francisco, nas questões denunciadas. O diplomata Renato Ávila Viana é o terceiro exonerado desde que ele assumiu o Itamaraty. Viana demitido esta semana após denúncias públicas, por diferentes mulheres, de agressões e maus tratos. Antes dele, em agosto, a embaixadora Elizabeth Balsa foi exonerada por fraude. No ano passado, o demitido foi Sérgio Elias Couri, cônsul do Brasil em Mendoza, por suspeitas de operações ilegais de câmbio. De certa forma, um progresso. Houve tempo em que o Itamaraty demitia por homofobia ou sem sequer o envolvido saber o motivo. Foi na época das “cassações” do AI5.

SUPERINTERESSANTE

O Museu Nacional, residência da família Imperial, levou mais de 100 anos para ser construído. Para chegar ao palácio, era preciso descer do barco no cais do Caju e subir de carruagem. Além de que detinha maior acervo.Estas revelações e outras estão na série Altas Histórias, apresentada pelo ator Daniel Curi, no canal do youtube da Cesgranrio.

DICA DE QUINTA

O episódio sobre a Quinta da Boa Vista é uma boa dica para quem deseja saber mais da história do lugar que reunia um acervo que era o maior da América Latina. Ficou do episódio a lição de que D. Pedro I e D. Pedro II foram os únicos mandatários com um projeto concreto para a Cultura e a Educação do povo. Pedro I iniciou a coleção arqueológica, reunindo peças de várias civilizações, e seu fi lho, incentivador das ciências, incrementou o conjunto de objetos e peças.

MARQUESA DE SÉVIGNÉ

Aliás, eu, se fosse a colunista social da corte, redigiria o comentário sobre o incêndio da Quinta, assim: “Toda a classe política, ao ver a nossa História desaparecer, lambida pelas chamas, ficou atônita. Afinal, até os Ministros do TSE, quando querem, são mais rápidos no sinistro do que o Corpo de Bombeiros. No Congresso, os fósseis, dinossauros e múmias parlamentares sentiram um frio de empatia na coluna. O perigo iminente já havia sido denunciado por um visitante, que contou que a instalação elétrica estava exposta no museu, e que havia gambiarras no quarto de D. Pedro I. As autoridades ignoraram, em nome da História, pois Dona Carlota Joaquina era um fi o desencapado e seu fi lho era chegado numa gambiarra, taí a Marquesa de Santos que não me deixa mentir.”

DOE LIVROS

Gossips à parte, eis aqui o site para tratar de doações à biblioteca do Museu Nacional: https://franciscakeller. weebly.com/

HOJE NÃO

O impedimento da realização hoje da 1ª Parada LGBT de São Conrado foi uma decepção para Valesca Popozuda, que estava escalada como musa do evento, comandando o trio principal. A organização da passeata contava com o apoio da Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual da Prefeitura, o que não lhe valeu de muita coisa, e esperava receber 1 milhão de pessoas.

DIA 30 SIM

Importante não trocar alhos com bugalhos. A primeira Parada LGBTI de São Conrado, foi cancelada devido a parecer não favorável do 23º Batalhão de Polícia. No entanto, segue firme e forte a 23ª Parada do Orgulho LGBTI, que acontece dia 30, na Avenida Atlântica, Posto 6, em Copacabana.

ÚLTIMA CHANCE

Esta é a última semana para assistir à exposição “Crônica carioca de um Rio particular”, de Luis Teixeira Mendes, com curadoria de Walter Firmo, no Palácio do Catete. A exposição com 80 fotos sobre o Rio de Janeiro já foi visitada por mais de 10 mil pessoas em três meses, e chega ao fim dia 30.

SEMINÁRIO DE TEATRO MUSICAL

Vem aí o Seminário Carioca de Teatro Musical, de 26 a 28 de setembro, na recém-inaugurada sede do CEFTEM, o Centro de Estudos e Formação em Teatro Musical. Com palestras e mesas de debate reunindo nomes importantes do nosso cenário teatral: Aniela Jordan (sócia-diretora da Aventura Entretenimento), André Dias (“Bilac vê estrelas”), Laila Garin (“O beijo no asfalto”), Kacau Gomes (“Les Miserables”), Izabella Bicalho (“Elizeth, a divina”), Reinaldo Yazaki (diretor do Instituto da Voz Artística em Otorrinolaringologia) e Vinicius Munhoz (produtor de “Annie” e “Billy Elliot”).

DEPUTADO SONADO

Em discussão o horário de verão pela Comissão de Infraestrutura do Senado. Analisam a proposta do senador Airton Sandoval da extinção em definitiva da prática desse horário em todo o território nacional, e questiona a alegação de que o horário proporciona maior aproveitamento da luz solar e reduz os custos com a energia para iluminação artificial. O senador aponta, na sua justificativa, diversas doenças decorrentes da privação do sono, como aumento de infartos do miocárdio, aumento da pressão arterial, agravamento do diabetes mellitus tipo 2, irritabilidade, comprometimento cognitivo (aprendizagem), perda ou lapsos de memória, comprometimento do julgamento moral (que levaria à prática de crimes), sonolência, bocejos, alucinações, comprometimento do sistema imunológico, agravamento de doenças cardíacas, arritmias cardíacas, redução no tempo de reação (causa acidentes no trânsito), tremores, dores, redução da precisão (leva a acidentes de trabalho), aumento dos riscos relacionados com a obesidade e supressão do processo de crescimento (em adolescentes). Ufa!

Alguém poderia dizer ao parlamentar que dormir mais cedo também resolve tudo isso…

BÉLGICA EM NIKITI

Começaram ontem as comemorações dos 110 anos do Campo de São Bento, conhecido parque niteroiense, numa parceria da prefeitura de Niterói com o consulado belga no Rio de Janeiro, que chancela neste fim de semana a Feira Niterói-Bélgica, com atrações culturais e gastronômicas, além de programação dedicada a relembrar as histórias do principal parque público da cidade, projetado pelo paisagista belga Arsène Puttemans. Arsène, responsável também pelos projetos do Jardim do Ipiranga, localizado no Museu Paulista, o da Praça da República e o da Várzea do Braz, todos os três em São Paulo.

MANSÃO CINEMATOGRÁFICA

Não, não estou falando das mansões que a Lava Jato anda leiloando. É a mansão do filme “Hannah and Her Sisters”, de Woody Allen, que foi colocada à venda por US $ 35 milhões. Com quase oito metros de pé direito, o nome da propriedade é Sherman Fairchild Mansion. Toda em granito vermelho, com 877,5m², a casa de cinco quartos vem com um piso plano aberto, incluindo pátio envidraçado e grande sala de três andares. Considerada “a melhor casa de solteiro da cidade”, ela foi encomendada em 1941 aos arquitetos George Nelson e William Hamby com a condição que fosse tão inovadora quanto seu dono, o pioneiro da aviação Sherman M. Fairchild, solteirão de longa data, fundador da fábrica de aviões Fairchild Aviation. Ele era fi lho único e herdeiro de George Winthrop Fairchild, congressista republicano e primeiro presidente da IBM. O resultado foi uma casa estranha, dividida em metades, com rampas que conectam as partes frontal e traseira.

EUROPA PRECARIZADA

A Europa desceu à condição de subemprego de países como Índia e Tailândia. São as mães arrimo de família, que não podem se afastar da criação dos filhos, e se submetem a qualquer condição para isso. São os precarizados que se multiplicam, sem contar com qualquer tipo de proteção de sindicatos ou qualquer entidade organizada. Foi o neo-liberalismo que gerou esse monstrengo no mundo, e que agora ataca com toda a voracidade o Brasil, já tão historicamente precarizado. 

 

                                                                             ***

VAI PRA MIAMI!

Brasileiros do mundo se preparam para o pleito de sete de outubro. Segundo dados o ciais divulgados esta semana pelo Tribunal Superior Eleitoral, Miami tem 29.082 eleitores brasileiros inscritos. Já Orlando tem 4.924. O total de eleitores na jurisdição do Consulado-Geral do Brasil em Miami é de 34.006.

 

                                                                           *** 

 

EUA VETAM MISS BRASIL

A coisa está mesmo séria, Trump, o dono do concurso Miss Universo, está endurecendo até com as misses estrangeiras do seu Certame. Nossa Miss Brasil 2018, a capotante piauiense Jéssica Carvalho, foi impedida de fazer a clássica viagem para Los Angeles, prêmio sempre conferido às beldades vencedoras do concurso. A miss teve seu visto negado duas vezes pelo consulado norte-americano. Jéssica reclama: “Alegam que não tenho vínculos sufi cientemente fortes para permanecer no Brasil. Vínculo mais forte que minha família, meus amigos e a medicina, acho que não deve existir”. A Rainha da Beleza perdeu a majestade.

Macaque in the trees
EUA vetam Miss Brasil (Foto: Divulgação)

Com João Francisco Werneck

 



Recomendadas para você