Menino que espera por um coração no INC deve receber o órgão nesta sexta

RIO - O menino Patrick Hora Alves, de 10 anos, que vem sendo mantido por um coração artificial desde o údia 23 de março, deve ser transplantado nesta sexta-feira. Durante a madrugada, o Instituto Nacional de Cardiologia (INC) foi acionado pela Central do Rio Transplante sobre a possibilidade de captação de um órgão com o perfil necessário para doação ao menino Patrick.

A doadora é uma mulher de 37 anos, com aproximadamente 50 quilos. O órgão deve chegar ao INC até o fim da manhã desta sexta-feira e a cirurgia deve ser realizada nesta tarde.

O INC é o único do Estado do Rio credenciado para fazer transplantes cardíacos em crianças e no ano passado realizou apenas um transplante infantil.

As maiores dificuldades são a identificação de possíveis doadores com morte cerebral e a validade do coração, que dura no máximo quatro horas. Apenas sete de cada dez corações doados são aproveitados.